O regresso de Judite Sousa à informação da TVI fez-se sentir nas audiências do Jornal das 8, espaço em que foi inserida a sua entrevista a Cristiano Ronaldo, feita em duas partes. O informativo da TVI, que nas últimas semanas tem conseguido uma liderança, ainda que modesta, sobre o Jornal da Noite da SIC e o Telejornal da RTP1, ficou bem distante da concorrência nesta quinta e sexta-feira. 

A primeira parte da entrevista a Cristiano Ronaldo levou o Jornal das 8 a ficar, na média geral, a mais de 400 mil espetadores do vice-líder, o Jornal das Noite, e a mais de 14% de share do Telejornal, que exibiu uma entrevista de Fátima Campos Ferreira a António Costa, candidato à liderança do PS.

Segundo o site Zapping, o espaço da entrevista marcou uma média de 36,1% de share e 16.7 pontos de audiência. A segunda parte, mais relacionada com a vida pessoal do futebolista, desceu ligeiramente os números, a marcar 15.1 pontos de audiência e 34,8% de share, que no entanto chegaram para liderar confortavelmente. Ainda assim, o Jornal das 8 em média caiu no número de espectadores e permitiu uma aproximação do Jornal da Noite.

A entrevista teve ainda bastante impacto nas redes sociais, principalmente pela forma como Judite Sousa a conduziu, dois meses depois da morte do filho. Pelo Twitter e pelo Facebook são muitos os reparos à postura da apresentadora, que surgiu ainda muito fragilizada e nervosa, com vários momentos de entrevista em que teve que conter as lágrimas.

Judite Sousa deverá regressar também este domingo ao Jornal das 8 da TVI, para o comentário semanal com Marcelo Rebelo de Sousa.