ALS GalaxyS5

Quando os telemóveis aderem aos banhos solidários

O Ice Bucket Challenge conta já com milhares de participantes por esse mundo fora. Depois de anónimos e celebridades como Bill Gates ou Cristiano Ronaldo terem aderido aos famosos banhos solidários, agora é a vez do Samsung Galaxy S5. Sim, um smartphone.

Na dura batalha que é a dos “telemóveis inteligentes, a multinacional sul-coreana decidiu dar um passo em frente e mostrar a superioridade do seu S5, aceitando o desafio… e tudo isto para exibir uma das suas caraterísticas singulares: a resistência à água.

Num anúncio publicado pela sucursal britânica, podemos ver água e gelo a cair sobre o Galaxy S5, o qual desafia, num tom provocatório, o iPhone 5S da Apple, o One M8 da HTC e o Lumia 930 da Nokia a fazer o mesmo. Escusado será dizer que estes smartphones não são à prova de água (ao contrário do Sony Xperia Z2, um dos principais concorrentes da Samsung no que toca à resistência a água, que, claro, não foi nomeado).

Ora, as regras do “jogo” ditam que estes três smartphones terão de aceitar o desafio nas próximas 24 horas ou pagar 100 dólares (75 euros) a uma associação ligada à Esclerose Lateral Amiotrófica (ALS em inglês).

billgates-ice_3009306bO Ice Bucket Challenge tem-se tornado viral nas últimas semanas, depois de celebridades e anónimos terem publicado vídeos nas redes sociais onde despejam gelo sobre o corpo. O objetivo é chamar a atenção para a luta contra a Esclerose Lateral Amiotrófica, uma doença neuro-degenerativa rara e fatal. A Samsung levou o desafio até ao fim e doou uma quantia não divulgada à British Motor Neurone Disease Association, uma organização que se dedica a apoiar pessoas com esta doença.

Apesar de algumas críticas menos positivas, segundo o The New York Times, o Ice Bucket Challenge já permitiu angariar mais de 40 milhões de dólares para a luta contra a doença. A ver vamos se o iPhone 5S, o One M8 e o Lumia 930 aderem ao desafio.

Mais Artigos
Genera+tion HBO Portugal
HBO Portugal. Estas são as estreias e destaques de março