Não é só à beira mar que podes conseguir um lugar ao sol. A pensar no que o interior pode ter para oferecer, o Espalha-Factos reuniu para ti mais um conjunto de praias, neste caso fluviais. Aproveita as nossas sugestões para te refrescares à “beira rio”.

Sertã – Troviscal

A 11 km da Sertã, esta é uma das mais recentes praias fluviais do distrito de Castelo Branco. Situada na pequena aldeia do Troviscal, a tranquilidade e o contacto com a natureza são dois dos encantos desta praia, em plena ribeira da Sertã. A zona fluvial de baixa profundidade é rodeada de espaços com areia e relva, com bastantes sítios para estender a toalha. Perfeita para passar o dia, a praia do Troviscal, para além de balneários em perfeitas condições, tem ao dispor dos banhistas um agradável bar para petiscar, um parque de merendas, uma churrasqueira, um moinho, um forno e uma cascata artificial. Junto à praia existe ainda um parque de autocaravanas e zonas para acampar.

troviscal

Figueiró dos Vinhos – Fragas de São Simão

Situada entre duas gigantes fragas, perto de Figueiró dos Vinhos, esta praia preza pelo cenário belíssimo, marcado pelas águas límpidas e pela abundância de sobreiros e loureiros que proporciona ao ar uma fragância reconfortante. A água da ribeira, que passa a caminho do Zêzere, pode ser um pouco fria, mas a transparência que nos deixa vislumbrar as pequenas pedras no seu interior é de tal forma convidativa, que nem a sua frescura afasta os banhistas. À beira de água, as grandes pedras são bons sítios para apanhar sol e relaxar ou para fazer de prancha de mergulho e o bar de apoio é bom para petiscar. As Fragas ficam ainda a 15 minutos a pé da aldeia de Casal de São Simão, uma aldeia que preserva a sua harmoniosa arquitetura em xisto.

saosimao

Oliveira do Hospital – Avô

Em pleno Interior de Portugal, no nordeste do distrito de Coimbra, fica uma vila com uma ilha dentro. O nome da terra é castiço: Avô, e o da ilha também: a ilha do Picoto. Não é nas Caraíbas, mas tem o seu quê de paradisíaca. É banhada pelas águas do límpido Rio Alva, um dos afluentes do Mondego, e conta com muitas sombrinhas, sol q.b. e um areal suficientemente longo para que seja permitida a profissão mais velha de agosto: Trabalhar para o bronze. Conta ainda com um bar e uma piscina natural para os mais pequenos. Se gostas de praias fluviais, esta tem de entrar na tua coleção.

Pedrogão Grande – Barragem do Cabril

Em Pedrogão Grande, esta barragem é a praia fluvial perfeita para aproveitar o melhor que o rio tem para oferecer. Seja na piscina flutuante junto à margem, ou diretamente na grande albufeira, há que desfrutar de um bom banho na água morna e quase transparente do Zêzere, enquanto se aprecia a agradável paisagem de pinhal circundante. Apesar de ter pouco espaço para estender a toalha e apanhar sol, na barragem funciona ainda o Clube Náutico de Pedrogão Grande, que oferece divertidos passeios de gaivota, canoa ou caiaque a preços acessíveis, de forma a poder explorar a albufeira e ir à descoberta para além da margem. Para pernoitar ou passar alguns dias, existe um parque de campismo perto da barragem.

cabril

Mação – Carvoeiro

Rodeada por pinhais altos e verdes, esta praia fica a pouco mais de um quilómetro da aldeia com o mesmo nome e a 25 minutos de Mação. Ao longo do extenso espelho de água são muitos os espaços verdes, os relvados e as extensas zonas de areia que envolvem a praia, perfeitas para relaxar e apreciar o ar puro da ribeira do Carvoeiro. Junto à zona balnear, há ainda uma piscina para crianças, iluminação noturna e um parque de merendas com longas mesas de pinho e churrasqueira. Com vista panorâmica sobre a praia, o bar de apoio possui uma bela esplanada, onde são servidos alguns petiscos. Além desta praia fluvial ser, pelo sétimo ano consecutivo, uma das poucas galardoadas com bandeira azul, em 2013 foi distinguida com o galardão de Praia de Ouro pela Quercus.

carvoeiro

Texto escrito por: Pedro Miguel Coelho e Sofia Pereira