O festival Caminhos do Cinema Português, regressa a Coimbra no mês de novembro para mais uma edição, depois de ter sido suspenso em 2013 devido à falta de apoios financeiros.

O Centro de Estudos Cinematográficos da Associação Académica de Coimbra, responsável pela organização, afirmou que o evento terá lugar entre 14 e 22 de novembro, e que se encontram abertas até dia 15 de setembro as candidaturas às secções competitivas: uma dirige-se a obras de realizadores já consagrados, outra a obras criadas por novos talentos, produzidas no ensino superior e profissional.

O festival irá também destacar a produção de cinema na Polónia, na secção chamada Cinema Mundial, bem como produções destinadas ao público infantil, na secção Caminhos Juniores. Haverá ainda lugar para um simpósio acerca da fusão das artes no cinema, onde o cinema português será dissecado e discutido, e estará presente no centro comercial Coimbra Shopping, entre outubro e novembro, uma exposição sobre os 20 anos dos Caminhos. O programa foi confirmado por Vítor Ferreira, diretor do festival.

caminhos

O festival viu a sua actividade suspensa em 2013 por motivos que impossibilitaram o seu financiamento, entre os quais a decisão por parte de Instituto do Cinema Português de não apoiar financeiramente o evento, e o aumento exacerbado do valor do aluguer da sala do Teatro Académico Gil Vicente (TAGV).

Apesar de ainda existirem problemas no que ao financiamento diz respeito, a próxima edição do festival tornou-se viável através de “receitas próprias e do apoio indirecto da Queima das Fitas (Conselho Cultural)”, afirmou o director. A organização espera ainda contar com o apoio da Câmara Municipal de Coimbra e da Universidade de Coimbra, mas este ainda não é certo.

Apesar destes entraves, a organização já se encontra em progresso, trabalhando para o regresso de um evento que, nas palavras de Vítor Ferreira, “projeta o nome da cidade”.