c7619f90-cf1a-11e3-ba0e-6fe11e85aa34_the-immigrant

Estreia da Semana: A Emigrante

Nesta semana, as salas de cinema portuguesas recebem um total de sete estreias, das quais o Espalha-Factos destaca A Emigrante, drama americano realizado por James Gray e protagonizado por Marion Cotillard, Joaquin Phoenix e Jeremy Renner.

Passado no ano de 1921, o filme conta a história de duas irmãs, Ewa e Magda (Cotillard e Angela Sarafyan), que decidem sair da Polónia rumo a Nova Iorque, para fugir à miséria do pós-Guerra e iniciar uma nova vida com base no sonho americano. No entanto, chegando aos Estados Unidos, Magda é diagnosticada com uma doença no pulmão que a obriga a ser mantida em quarentena. Separada da irmã e inserida num ambiente desconhecido, Ewa vê-se a adentrar o mundo da prostituição, coagida pela perversão de Bruno (Phoenix) e determinada a sobreviver em seu novo lar. A crítica deste filme pode ser lida aqui.

immigrant-the-immigrant-27-11-2013-21-g-1_Fotor

É nesta semana também que Portugal assiste à chegada de três filmes do aclamado realizador japonês Yasujiro Ozu. Lançados originalmente em 1958, 1959 e 1960 respetivamente, estas películas foram restauradas em formato digital, e podem ser vistas no Espaço Nimas:

A Flor do Equinócio (Higanbana) acompanha Hirayama, um influente empresário de Toquio que trata de casamentos, e que se encarrega de ajudar Fumiko, filha do amigo Mikami, que fugiu com o namorado. Um retrato do conservadorismo da sociedade japonesa, com Shin Saburi, Kinuyo Tanaka e Ineko Arima. A crítica do Espalha-Factos pode ser encontrada aqui.

Bom Dia (Ohayô) é uma comédia que conta a história de dois rapazes que se revoltam contra os pais, comprometendo-se a não dizer uma palavra até que comprem uma televisão para a sua casa. Mais uma abordagem ao contexto social japonês, com Chishu Ryu, Ioshiko Kuge e Haruko Sugimura. A crítica do Espalha-Factos pode ser encontrada aqui.

O Fim do Outono (Akibiyori) é um drama que segue Akiko, uma mulher que assiste à morte de Miwa, o seu marido, e é forçada a educar sozinha a sua filha, Akayo. Aconselhada a casar Akayo, Akiko frustra-se com as constantes rejeições por parte da filha, pelo que decide ser ela própria a casar para salvaguardar a família. Com Mariko Okada, Setsuko Hara e Yoko Tsukasa. A crítica do Espalha-Factos pode ser encontrada aqui.

Para além destes temos Sex Tape – O Nosso Vídeo Proibido, comédia realizada por Jake Kasdan e protagonizada por Jason Segel e Cameron Diaz. Numa fase difícil do casamento de Jay (Segel) e Annie (Diaz), estes decidem fazer uma sex tape para animar a sua vida sexual. Quando o vídeo vai parar aos tablets dos seus amigos e conhecidos, o casal faz de tudo para recuperá-los antes de serem descobertos. Escrito por Kate Angelo, Jason Segel e Nicholas Stoller. O Espalha-Factos já viu este filme, e a crítica pode ser lida aqui.

Snowpiercer – Expresso do Amanhã é outra das estreias desta semana. Após um desastre natural que conduz o Planeta a uma nova era glacial, toda a humanidade é confinada a um comboio dividido entre a primeira classe e o resto dos passageiros. De forma a garantir o bem-estar dos mais pobres, Curtis (Chris Evans), um dos passageiros de segunda classe, decide invadir a dianteira do comboio. Realizado por Bong Joon-ho. A crítica pode ser lida aqui.

Por último, temos Que Mal Fiz Eu a Deus? (Qu’est ce qu’on fait au Bon Dieu?), uma comédia que explora as tentativas de um casal para arruinar o casamento indesejado das suas filhas. Realizado por Philippe de Chauveron, e com Chantal Lauby, Christian Clavier e Elodie Fontan.

O trailer da Estreia da Semana pode ser visto aqui:

http://www.youtube.com/watch?v=eeXtjrHLbTc

BOX OFFICE

O líder de receitas desta semana é Planeta dos Macacos: A Revolta, com 407.101,71€, seguido de Aviões – Equipa de Resgate, com 274.106,78€ e Agentes Universitários, que angariou 147.520,69€. Para mais informações, consulte aqui.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.