Às 20 horas e 17 minutos (hora em Portugal) do dia 20 de julho de 1969, a Terra recebia a mensagem que informava que o módulo lunar acabava de aterrar em segurança no Mar da Tranquilidade, na face iluminada da Lua. Poucos segundos depois, a célebre frase de Neil Armstrong timbrava um dos feitos que mais marcou o ímpeto científico humano, e que pôs os Estados Unidos da América nos píncaros do mundo em plena Guerra Fria.

Não sabemos o que é que o rádio do módulo de comando Columbia tocava no dia em que o Homem pisou a superfície lunar, ou que discos levaram Neil Armstrong, Edwin Aldrin e Michael Collins na missão da vida deles, mas sabemos que não foram só os astronautas que se apaixonaram pelo astro que nos vigia as noites. Os artistas também. Por isso a equipa de música do Espalha-Factos fez uma selecção de 15 temas que brindam a Lua, e partilha-a aqui com os leitores. Uma lista que orbita vários estilos musicais no dia em que passam 45 anos sobre a conquista lunar.

David Bowie – Space Oddity

http://youtu.be/cYMCLz5PQVw

Lançada de modo a coincidir com o evento da chegada à Lua, em julho de 1969, Space Oddity conta a odisseia espacial de Major Tom, um astronauta fictício. O tema é por muitos considerado como a rampa de lançamento da carreira de Bowie. A personagem do astronauta viria a reaparecer em outras canções do músico inglês.

Neil Young – Harvest Moon

Editada em 1992, no álbum com o mesmo nome e que alcançou várias distinções, a canção é uma das mais célebres de Neil Young. A Lua é, aliás, tema-fetish do músico australiano – surge em 28 faixas entre mais de 35 álbuns.

 

R.E.M. – Man on the Moon

Dedicatória dos R.E.M. ao famoso comediante americano Andy Kaufman, grande ídolo do vocalista Michael Stipe. A canção, de 1993, foi mais tarde usada no cinema em Man On The Moon, um filme sobre a vida de Kaufman, papel desempenhado por Jim Carrey.

The Marcels – Blue Moon

http://youtu.be/qu4OkmzqK2E

Blue Moon foi criada em 1934 por Richard Rodgers e Lorenz Hart, dupla célebre por várias composições para musicais da Broadway. O tema popularizou-se nos anos 60 devido à versão doo-wop (estilo de ritmos e blues afro-americano em crescendo na década) dos The Marcels. Elvis, Sinatra, Billie Holiday e Louis Armstrong também fizeram versões assinaláveis do clássico.

 

The Police – Walking on the Moon

O single, gravado em 1979, alcançou o primeiro lugar do top britânico. O vídeoclip foi gravado com a banda junto de verdadeiros veículos espaciais e máquinas de exploração do espaço. Um dos aparelhos que vemos no vídeo é um Saturn V, o mesmo modelo do foguete usado na missão Apollo 11, que levou o Homem à Lua.

 

Frank Sinatra – Fly me to the Moon

http://youtu.be/mhujM7T1_fQ

Composta por Bart Howard e originalmente intitulada de Other Words, só em 1956 foi gravada pela primeira vez sob o nome pelo qual hoje a conhecemos. O tema foi inúmeras vezes revisitado ao longo das décadas seguintes. A versão mais célebre será provavelmente a de Sinatra, apesar de ter sido também interpretado por vultos como Nat King Cole ou Tony Bennett.

Van Morrison – Moondance

http://youtu.be/NrGEAnmqD3w

No ano seguinte ao da alunagem, o cantautor norte-irlandês lançou Moondance, um dos jazz standards mais recuperados pelas big band de hoje. Crooners como Michael Bublé também fizeram versões notáveis do clássico do jazz.

King Harvest – Dancing in the Moonlight

A canção é um original de 1973 da banda King Harvest. A banda inglesa Toploader alcançou o sétimo lugar no top britânico com uma versão em 1999, talvez a mais popular nos dias de hoje. O tema foi usado recentemente em spots publicitários da Wal-Mart, a maior cadeia de supermercados dos Estados Unidos da América (e do mundo).

Sting – Sister Moon

Sister Moon, de 1987, é uma autêntica declaração de amor à Lua, que é aqui uma espécie de companheira da noite. Sting faz outras abordagens ao astro em outros temas. A canção aparece também no álbum Possibilities, de 2005, do mestre do jazz Herbie Hancock.

The B-52’s – There’s A Moon In The Sky (Called The Moon)

Os punk-rockers The B-52’s, por fins da década de 70, também dedicaram alguns acordes aos astros que pairam por esse espaço sideral fora, incluindo o nosso satélite natural. O tema é uma divertida viagem espacial através de um poema, digamos, turbulento e festivo, à boa moda punk, de resto.

Mercado Negro – Oh Lua

Também em português se celebra a Lua. Este foi um dos singles de maior sucesso da banda lusa de reggae. O tema fala do encontro romântico esotérico entre o Sol e a Lua a que as pessoas chamam vulgarmente de eclipse.

Gabriel,  o Pensador – Astronauta

Interpretação ao vivo do tema Astronauta, num espectáculo produzido pela MTV, em 1999, com a participação do músico Lulu Santos, co-autor da canção. O poema é uma espécie de desabafo do autor que não compreende a razão do astronauta querer regressar à Terra.

The Waterboys – The Whole Of The Moon

A canção não conseguiu grande audiência aquando do lançamento em 1985. Só numa reedição em 1991 é que alcançou o top 3 do Reino Unido e a banda inglesa ganhou notoriedade. Hoje é obrigatória em qualquer festa 80’s que se preze.

Creedence Clearwater Revival – Bad Moon Rising

O clássico rock n’ roll está na lista das 500 Melhores Canções De Todos Os Tempos da revista Rolling Stone. São vários os artistas que dele fizeram covers. Uma versão nova, em castelhano, veio à baila recentemente quando os adeptos argentinos a usaram como cântico para a sua selecção de futebol no Mundial do Brasil.

Radiohead – Sail to the Moon

Uma intimista e melancólica canção que muitos acreditam que seja uma dedicatória de Thom York ao filho. O tema pertence ao álbum Hail to the Thief de 2003, mas a banda tocou-o pela primeira vez no Coliseu dos Recreios, já num segundo encore de um concerto de 2002, em Lisboa.