É já no próximo dia 23 de maio que o Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra, irá receber Espontâneo, o festival internacional de teatro de Improviso (o primeiro no nosso país). Serão cinco dias recheados de projetos novos e trabalhos já de renome, baseados unicamente na arte de improvisar.

Assim, serão cinco as companhias (nacionais e internacionais) que irão apresentar um espetáculo. A duração será de 90 minutos e a audiência terá a oportunidade de ver projetos como Ghost Sheep (dia 23), um espetáculo de origem belga em que através das sugestões do público, os integrantes do grupo “irão criar histórias que no decorrer da peça se irão entrelaçar entre si de modo inesperado“.

No dia 24 será possível assistir a Music Box (Reino Unido), um espetáculo musical cómico onde as “músicas e letras surgem espontaneamente” e “as histórias e as personagens são criadas do vazio“, conta-nos a organização. Já dia 25 de maio vê o público (re)encontrar-se com caras familiares. O aclamado espetáculo Os Improváveis também marcará presença no Espontâneo.

Após uma pausa para a semana, o festival regressa com os também portugueses Os Instantâneos, grupo de teatro que tem agradado as plateias para as quais tem atuado num espetáculo que consiste num “Duelo Improvisado” e onde “o público é chamado a votar para decidir qual das duas equipas levará consigo o título vencedor“. No dia seguinte e em jeito de encerramento, temos Improvvisazione Teatrale Bugiardini. Este espetáculo italiano pretende encher a sala com um filme mudo improvisado e provar que a “improvisação é uma linguagem universal

Durante os dias 24 e 25, bem como 30 e 31 também estarão disponíveis workshops de improviso e iniciação a a esta arte. Os bilhetes para cada sessão custam 7,00€ e a assinatura geral para todos os dias do festival é 30,00€.