O novo romance de José Jorge Letria, intitulado A Volta ao Medo em 80 Dias, segue o percurso de um cidadão português que vive intensamente os conflitos e as utopias do seu tempo (em que reina a ditadura) sem nunca desistir de ser feliz.

Deste modo, Jorge Letria revisita o Portugal onde nasceu ao longo das páginas deste novo livro. A palavra “medo”, pronunciada de forma inquietante, ecoa pelas ruas do antes e depois do 25 de abril, marcando a ditadura e a democracia, a guerra e a paz .

Contudo, A Volta ao Medo em 80 Dias é ainda uma estória de amor. Tecida com recortes da memória coletiva portuguesa e de todos os sonhos que nunca chegaram a materializar-se, o romance é um hino de amor a Portugal, à vida e às mulheres. Acima de tudo, o herói deste livro luta por quebrar uma maldição – é o homem português na sua essência.