Depois do espetáculo teatral de rua inspirado na obra de José Saramago, A Viagem do Elefante, ter completado a sua digressão, chega o momento em que o público pode ver todo o registo fotográfico do espetáculo que passou por cidades como Lisboa, Tondela e Rivas-Vaciamadrid.

A peça teatral de rua, uma criação da companhia Trigo Limpo teatro ACERT em co-produção musical com Flor de Jara, esteve em digressão no último ano em nove cidades da nossa península, onde foi bastante bem recebida, tanto pelo público como pela crítica.

Inspirada no livro que conta a história da viagem do elefante Salomão de Lisboa para Viena, a peça partiu inicialmente de um impulso criado pela epígrafe do livro – “Sempre chegamos ao sítio onde nos esperam” – para os criadores, “os personagens passaram a conviver connosco e a segredarem-nos intenções de saírem do conto para lhes darmos vida. O elefante Salomão povoava-nos sonhos e dava-nos carícias de uma humanidade singular. Agigantá-lo seria um justo merecimento. José Saramago semeava em nós o prazer duma aventura imaginosa e arrojada. Tão somente o escutámos: “As pessoas não escolhem os sonhos que têm, são, pois, os sonhos que escolhem as pessoas”.

Fica para ver o registo fotográfico da peça teatral, arte construída em cima de arte, na Casa dos Bicos, de 27 de março a 17 de abril. As fotografias são de Ricardo Chaves, que acompanhou toda a digressão e deixamos-vos uma pequena amostra, dos registos de um ensaio em Sortelha, Sabugal.