Andei a portar-me bem durante muito tempo, fui dando protagonismo a outras séries e deixei que diferentes programas tivessem a sua hipótese na luz da ribalta. Mas agora chega, é hora da verdadeira série voltar ao seu trono! Game of Thrones é o destaque do Zapping Internacional desta semana e acho que não há melhor maneira de realçar a série do que falando de mortes sangrentas e sem piedade. Claro que vais ter acesso a novidades relacionadas com The Big Bang Theory, American Horror Story ou Glee mas, por favor, MORTES SANGRENTAS EM GAME OF THRONES é tudo o que precisas ler para acompanhares esta edição.

SEX, DRUGS & ROCK’N’ROLL

Depois de ter produzido um dos melhores filmes (se não o melhor) do ano, Martin Scorsese começa agora uma aventura na televisão. Em parceria com Terence Winter, com quem já criou Boardwalk Empire, Scorsese prepara-se para dar vida a uma série que remonta aos anos 70 e que irá mostrar o cenário musical e o movimento Rock’N’Roll característico dessa época.

tumblr_lhfgyo23nq1qbme8m

Não consigo esconder o meu entusiasmo relativamente a este projeto por dois motivos: primeiro porque sou grande apreciador de música rock e a década de 70 foi uma das épocas de ouro para esse estilo musical e, como segundo motivo, destaco a escolha inteligente de protagonistas. Bobby Cannavale, que já trabalhou com Scorsese e Winter na 3ª temporada de Boardwalk Empire, será o protagonista enquanto que a Olivia Wilde foi oferecido o papel de esposa de Bobby. A história andará à volta de um executivo de uma gravadora musical (Cannavale) e da sua busca pela nova banda revelação. Wilde será uma ex-modelo festeira que é fascinada pelo cenário glamoroso da música, marcando assim o seu regresso ao pequeno ecrã desde House.

PORQUE NÃO É VERGONHA UM HOMEM ADULTO USAR COLLANTS (?)

Desde que a Marvel deu início ao uso de super-heróis no cinema e televisão que a DC Comics não quis ficar atrás e começou a criar séries e filmes com algumas das suas personagens mais conhecidas. O próximo projeto a estrear será The Flash, o homem mais rápido do mundo e pessoa mais indicada para ter um part-time nos CTT. Já se sabe que Grant Gustin será o protagonista da série, mas só esta semana é que chegou à Internet a primeira imagem do uniforme que Flash irá usar para combater o crime. Vejam aqui aquela que será a próxima mascote do Benfica, assim que Jorge Jesus deixar esse cargo disponível:

13087362984_ccd068a21d_o

A COMEMORAÇÃO DOS 100

Glee definitivamente já não é o que era. Se as suas primeira e segunda temporadas chegaram a ser aclamadas pela crítica, agora são esses mesmos críticos que rebaixam a série sempre que podem. Sinceramente acabo por lhes dar razão, o formato musical da série está mais que gasto e as histórias são extremamente previsíveis. Mas pronto, visto que Glee já tem confirmação de que a sexta temporada será a sua última só resta ir aguentando os episódios que faltam, incluindo o 100º.

http://youtu.be/q8Bpldzp5ak

Para não deixar passar este marco em branco, os produtores da série foram inteligentes e apoiaram-se no passado glorioso de série ao chamar muitos membros do elenco original para participações especiais e ao pedir aos fãs que votassem nas músicas que queriam ouvir no episódio. Todas as candidatas eram atuações já realizadas pelo Glee Club ao longo dos últimos anos e que agora terão algumas alterações, sendo que entre as mais votadas ficaram a versão de Toxic de Britney Spears, Raise Your Glass de P!nk ou Valerie de Amy Whinehouse. Em cima podes ver o trailer do episódio especial que foi transmitido ontem nos EUA.

O QUE É BOM NÃO SE DESGASTA FACILMENTE

É a melhor maneira que tenho para justificar a mais recente renovação de The Big Bang Theory. A famosa sit-com foi renovada pela CBS para mais três temporadas de uma só vez, garantindo assim que veremos Sheldon e companhia pelo menos até uma décima temporada. O melhor é que, na minha opinião, ainda teremos mais renovações!

tumblr_m7abf59Hvv1r4tp8ho1_500

Isto porque, ao contrário de outras séries como How I Met Your Mother, que por volta da 4ª/5ª temporada já estava cansativa, Big Bang mantém-se fresca até agora, com boas histórias e reviravoltas interessantes que dão um dinamismo constante à ação. Os representantes do canal televisivo americano resumiram mais a justificação da tripla renovação dizendo em comunicado oficial que “as séries cómicas são muito importantes na nossa programação, e The Big Bang Theory é a maior comédia da televisão”. Contra factos não há argumentos e aposto que os 20 milhões de pessoas que vêem a série semanalmente concordam.

AMERICAN HORROR STORY: CARNIVAL

Ainda há pouco dissemos adeus a Coven mas American Horror Story não para. A quarta temporada da série de terror já tem temática definida, sendo ela um parque de diversões, conhecido nos EUA como Carnival. Uma confirmação a 100% só chegará no próximo dia 28 de março no PaleyFest, evento que contará com a presença de atores como Sarah Paulson, Evan Peters, Lily Rabe e Emma Roberts. Porém, durante um podcast realizado durante esta semana, Douglas Petrie, produtor executivo de AHS, foi confrontado com os rumores do seu próximo trabalho na série se basear em parques de diversão, ao que o mesmo apenas respondeu: “Essa é a ideia, essa é mais ou menos a ideia”. Depois de Coven se ter revelado um sucesso de audiências mas uma desilusão para os fãs mais fiéis de AHS, Carnival tem a tarefa de regressar ao lado mais sombrio da série e deixar a vertente mais teen de Ryan Murphy de lado. Sem falar que esta será a última participação de Jessica Lange depois de ser protagonista nas últimas três temporadas. É esperar e ver.

1982192_733489260016588_707236322_n

TOP 5: AS MORTES MAIS CHOCANTES DE GAME OF THRONES

Desde a sua primeira temporada que Game of Thrones nos habituou àquela sensação de insegurança, de que qualquer personagem pode morrer a qualquer altura, sem importar se é “bom” ou vilão, se é importante ou apenas figurante. Sem querer parecer insensível, encontrei no site Buzzfeed um jogo interessante em que, seguindo certos parâmetros, se classificaram as mortes da série. Aqui no ZI podes conferir o top 5 das mortes que mais abalaram os fãs e a história de Game of Thrones.
As cinco categorias escolhidas para classificar este ranking são:

1. Violência (Violence): o quão brutal foi a forma de que a personagem morreu;
2. Sangue (Blood): a quantidade de sangue envolvida na morte;
3. Surpresa (Unexpectedness): o quão inesperada foi a morte da personagem;
4. Justiça (Vindication) : o quão justa foi a morte da personagem;
5. Alterações causadas (Game Changing): o quão importante foi a morte para a sequência da história.

5º LUGAR: ROBERT BARATHEON

enhanced-18590-1391034973-8

O momento que permitiu a Joffrey subir ao trono de ferro. Oficialmente, Robert Baratheon morreu devido a um ferimento causado por um javali durante uma caçada. O que ninguém sabe é que o antigo rei foi envenenado pelos Lannisters, família da sua mulher, para que estivesse mais suscetível a “acidentes”. Além de ter marcado a morte de um personagem que, mesmo não sendo perfeito, ainda era dos mais simpáticos que tínhamos, este foi o acontecimento que fez com que o odiado filho (?) de Robert subisse ao trono! O resto é história.

4º LUGAR: NED STRAK

enhanced-28538-1394220952-1

O primeiro momento totalmente WTF de Game of Thrones. Ned Stark era o cavalheiro no meio dos brutos, o herói no meio de todos os vilões! De que é que isso lhe valeu? Ficou sem cabeça após uma temporada. Até ao exato segundo em que a espada tocou no pescoço de Ned todos os espetadores estavam à espera daquela deixa que pararia a execução, o problema é que isso não aconteceu…o chefe da família Stark morreu. A mensagem foi clara: ninguém está seguro!

3º LUGAR: CATELYN STARK

enhanced-10864-1394222192-1

Acho que não é surpresa nenhuma que o top 3 desta lista é todo ligado ao episódio do Red Wedding, se bem que cada morte tem um motivo específico para ter sido tão marcante. No caso de Catelyn Stark, acho que a sua morte representa o momento mais angustiante de todas as temporadas da série até agora: a senhora tinha acabado de ver o seu filho, nora e aliados serem brutalmente assassinados a mando de uma pessoa que ela considerava um amigo. A interpretação de Michelle Fairley foi excelente e passou para quem assistia tão bem o desespero da sua personagem que devem ter sido muitos os que, por piedade, pediam que Cat morresse rápido. Durante longos segundos vimos o que era uma mulher sem nada na vida e como a morte a libertou!

2º LUGAR: TALISA MAEGYR STARK

enhanced-12075-1394221805-9

A morte que iniciou o maior massacre alguma vez visto em televisão. O momento em que milhões de bocas se abriram de espanto e assim ficaram por 15 minutos. Talisa era a apoio do marido Robb Stark durante aquela que era guerra da sua vida, carregava o herdeiro da casa Stark…ela era uma enfermeira grávida! E ainda assim não houve hesitação em espetar-lhe uma faca diretamente na barriga! Acho que, assim como aconteceu com Ned, esta era uma personagem que dava uma harmonia tão boa à série que toda a gente pensou que, de uma maneira ou outra, conseguiria escapar à morte.

1º LUGAR: ROBB STARK

anigif_enhanced-10666-1391033442-2

A queda do Norte. Com Catelyn perdeu-se a esperança numa vida melhor, com Talisa perdeu-se a esperança numa vida feliz mas, com Robb Stark, perdeu-se a esperança em qualquer tipo de vida! Robb representava as forças que iriam acabar com o reinado dos Lannisters e fazer com que os 7 reinos voltassem a ser governados de forma justa. Foi nele que depositámos todas as esperanças depois da morte do seu pai e, mais uma vez, cuspiram-nos na cara. Já percebemos Game of Thrones, NINGUÉM está a salvo!

“The Lannisters send their regards”