Esta é a 13ª Edição da Monstra – Festival de Animação de Lisboa, que traz 10 dias de dupla animação à capital. Nele estreia o magnético e último MiyazakiThe Wind Rises, e é homenageada a Hungria, país com uma história centenária no género, e cujo primeiro filme, realizado por István KatóZsirb Odon, surgiu em 1914.

No âmbito desta homenagem, o Festival apresenta uma retrospetiva dos 100 anos da animação húngara, revisitando autores e suas obras, longas e curtas-metragens, assim como as suas principais escolas. São dedicadas retrospetivas de autor à dupla Halász (John Halas) e Batchelor, a Ferenc Cakó e a Richly Zsolt. Destaca-se também notavelmente a presença do histórico Animal Farm de Halász e Batchelor , que adapta a obra homónima de George Orwell, e a presença da curta nomeada para Óscar Sisyphus, de Marcell Jankovics.
Considerando que também é dada atenção à nova geração de animadores húngaros, da Hungria faz-se apenas sentir a falta dos notáveis Gyula Engel (Jules Engel) e Imre Hajdú (Jean Image) – todos queríamos ver o maravilhoso Aladino, fiel às Mil e uma Noites.

Animal Farm

A Monstra também homenageia este ano o pioneiro escocês Norman McLaren, no centenário do seu nascimento, a dupla Wallace and Gromit de Nick Park, com o seu quarto de século, e a Pantera Cor-de-Rosa que comemora 50 anos, todos com retrospetivas individuais.

A competição da Monstra arranca dia 17 para Longas, Curtas e Estudantes, e dia 22 é dia de curtíssimas. As inscrições dispararam, foram recebidas 1400 (o dobro da edição anterior), e esta promete ser a Monstra mais competitiva de sempre.

Nas Longas destaca-se a dupla presença brasileira, O Menino e o Mundo de Alê Abreu, e Rio 2096: Uma História de Amor e Fúria de Luiz Bolognesi, assim como Cheatin’ de Bill Plympton e Pinocchio de Enzo Dalò.

Mas o protagonista da Monstra 2014 não está em competição – The Wind Rises do grande mestre Hayao Miyazaki faz a sua antestreia no Cinema São Jorge, sábado, dia 15, às 16:30, e promete ser muitíssimo procurado. Existirá uma segunda sessão dia 22, às 20:30, desta feita no Cinema City Alvalade.

Wind Rises [2]

As relações entre a animação e o documentário – AnimaDok, e a animação o Terror – TerrorAnime também serão exploradas no festival, e prometem abrir novos horizontes neste género ao público português. Para os mais novos a Monstrinha continua a crescer, e marca já decisivamente o festival.

O Festival irá decorrer entre o Cinema São Jorge, o Cinema City Alvalade, o BES Arte & Finança, o Museu da Marioneta e os Fóruns FNAC. Mais informações disponíveis no site da Monstra, aqui.