As cidades de Lisboa e do Porto encontram-se entre os vinte e dois melhores lugares do mundo para tomar café: Esta eleição foi dada pelo site espanhol Condé Nast Traveler

Segundo a jornalista Almudena Martín, a infame ‘A Brasileira‘, “o espaço onde o escritor Fernando Pessoa fazia acompanhas as suas tertúlias com um bom café negro”é um dos locais predilectos para nos deliciarmos com esta bebida, assim como o miradouro de São Pedro de Alcântara. Esta referiu que  “a cultura lisboeta não se podia entender sem os seus cafés expresso”, sendo que na capital portuguesa “não se tira apenas café, mima-se”.

De facto, a mesma acrescentou ainda que “à semelhança do que acontece em Itália, não há café mau em Portugal”, sendo a cidade do Porto “um bom exemplo disso“. Espaços como ‘A Pérola do Bolhão‘, cuja “fachada de estilo art nouveau é inconfundível”, permitem-nos comprar bom café para preparar em casa enquanto o emblemático Café Magesticum “oponente espaço alusivo à Belle Époque”, nos dá a oportunidade de degustar um café acabado de tirar.

Para além das duas cidades portuguesas, as restantes escolhas dos melhores sítios onde desfrutar café passam por Veneza, Roma e Florença (Itália), Praga (República Checa), Havana (Cuba), Buenos Aires (Argentina), Viena (Áustria), Paris (França), Istambul (Turquia), Budapeste (Hungria), Bruxelas (Bélgica), Rio de Janeiro (Brasil), Dublin (Irlanda), entre outros.

Para leres o artigo completo clica aqui.