Depois de Nelly Futado ter atuado com António Zambujo numa receção oferecida por Aníbal Cavaco Silva à comunidade portuguesa do Canadá, surgiu a vontade, por parte de ambos, de se gravar algo em conjunto, com a possibilidade de um projeto ligado à música tradicional.

Apesar de ter ficado conhecida internacionalmente por cantar em inglês, a artista luso-canadiana declarou esta sexta-feira à Agência Lusa, em Toronto, que “já está na altura de gravar alguma coisa em português“. A sua ligação com os Açores, onde nasceram os pais, foi o que motivou a conversa sobre a possibilidade de um projeto ligado à música tradicional com António Zambujo.

Por sua vez, o fadista português revelou aos jornalistas presentes que “por causa das músicas tradicionais que lhe mostrei e que ela gostou muito, ela sugeriu que poderia ser interessante fazer alguma coisa ligada à música tradicional, mas uma coisa de originais”.

Nelly afirmou estar feliz e “cheia de orgulho” por ter tido a oportunidade de cantar com António Zambujo na cerimónia onde foi condecorada com a comenda da Ordem do Infante D. Henrique, pelo Presidente da República.