O diretor de programas da RTP, Hugo Andrade, confirmou à TV Guia que a próxima sexta-feira é o último dia de José Carlos Malato no Portugal no Coração. A decisão é justificada pelo estado de saúde do apresentador que ficou afastado do programa no final do ano passado, depois de ter sido internado devido a um problema cardíaco.

Para substituir José Carlos Malato, Hugo Andrade chamou Jorge Gabriel que passará a acumular o programa Aqui Portugal que conduz com Sónia Araújo, aos sábados, e ainda o Grande Área da RTP Informação, com as tardes da estação.

Malato já tinha afirmado, em entrevista à revista Flash!, que estava cansado do programa das tardes da RTP1. Em declarações à revista Notícias TV desta semana, Hugo Andrade refere que “um programa diário é muito duro de se fazer e ainda por cima o Malato tem a característica de ficar com uma adrenalina brutal antes e durante os programas”.

Uma das possibilidades dadas por Andrade é que o apresentador passe a trabalhar com ele na produção de programas: “Muito pouca gente sabe, mas eu trabalho muitas vezes com o Malato na retaguarda. Quero que ele me ajude em algumas coisas que tenho em mãos. Sei que ele faz isso muito bem, que gosta de o fazer, e permite-lhe estar mais descansado, à secretária, ao pé de mim. Depois, à medida que formos vendo se ele está melhor, que a confiança dele se restabelece, poderá voltar para a frente das câmaras“, referiu à mesma publicação.

Portugal no Coração começou em 2003 com José Carlos Malato, mas o programa ficou entregue durante vários anos à dupla João Baião e Tânia Ribas de Oliveira. Malato voltou às tardes da estação, ao lado de Marta Leite Castro, depois de Baião e Ribas de Oliveira tomaram posse da Praça da Alegria, em Lisboa.