Óscares

Academia revoga a nomeação da canção “Alone yet not alone”

Numa decisão pouco comum, a Academia decidiu retirar a nomeação da música Alone yet not alone por alegada “violação das regras“. A categoria de melhor canção original dos Oscars fica assim com apenas quatro candidatos sem espaço para outra nomeação. 

Segundo a CNN, os membros que compõem o júri da Academia, descobriram que o compositor Bruce Broughton enviou emails a várias pessoas responsáveis pela votação dos finalistas.

A presidente da Academia, Cheryl Boone Isaacs, comentou o caso afirmando que “não importa quão bem-intencionada tenha sido a mensagem, usar a própria posição como ex-governador e atual membro do comité executivo para promover pessoalmente a candidatura a um Oscar cria a aparência de uma vantagem injusta“.

Face a estes acontecimentos, a canção fica assim fora da corrida, uma vez que “o objectivo da Academia é garantir que os Oscars são conduzidos de forma justa e ética.”

Esta decisão não é um caso isolado mas é bastante rara.  Por exemplo, em 1992, a Academia anulou a nomeação do filme A Place in the World, na categoria de Melhor filme Estrangeiro, por existirem dúvidas quanto à localização da fita.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Audiências Bem Me Quer
Audiências. ‘Bem Me Quer’ lidera e sobe a programa mais visto do dia