A 5 de outubro de 2012, o centro histórico de Setúbal deu lugar à Casa da Cultura, um espaço apoiado pela Câmara Municipal da cidade que tem como objectivo fomentar diversas formas de arte, disponibilizando actividades ligadas a áreas como a música, o teatro, a fotografia, entre outras.

O edifício, outrora, dera lugar ao Círculo Cultural de Setúbal e o projeto de remodelação e recuperação ficou ao encargo do arquitecto setubalense Gonçalo Silva. Apresentando agora uma imagem sóbria e moderna, a Casa da Cultura visa a divulgação e formação de talentos artísticos, dispondo de zonas diversas para o cumprimento dessa finalidade.

No piso térreo, encontramos uma Galeria de Exposições, que é actualmente casa para Outro Lado, uma exposição de Vítor Lages e Luís Fernandes que permanecerá no espaço até 8 de janeiro. Temos também o Café das Artes, com o respectivo Pátio do Dimas, que funciona não só como um espaço de convívio, mas também como café-concerto. Por último, encontramos igualmente o Gabinete da Juventude da Câmara Municipal, responsável pelo apoio e divulgação de iniciativas nacionais e internacionais para jovens.

No primeiro piso, temos acesso ao Centro de Documentação, Estudo e Promoção da Canção Popular Portuguesa, bem como ao Salão Nobre, um espaço que manteve certos elementos anteriores à restauração, tornando-se assim numa atração. Neste piso, o destaque vai para o Espaço das Artes – uma sala de exposições que dá correntemente lugar a A Arte e a Fé, uma colaboração de JMaria Sabino e José Rasquinho que encerrará a 9 de janeiro – e para a Sala José Afonso – um auditório multiusos onde decorrem frequentemente exibições de filmes.

O Salão Nobre da Casa da Cultura manteve elementos anteriores à restauração, como o fresco pintado no tecto.

O Salão Nobre da Casa da Cultura manteve elementos anteriores à restauração, como o fresco pintado no tecto.

Finalmente, no segundo piso podemos encontrar uma Escola de Música explorada pela Sociedade Musical Capricho Setubalense, bem como um Estúdio de Gravação e uma Sala de Ensaio, espaços especialmente dedicados a bandas que ainda estejam a começar o seu percurso musical.

Para além destas inúmeras iniciativas, a Casa da Cultura organiza frequentemente escolas de dança, workshops de escrita criativo, ateliers de pintura, entre muitas outros projectos, cujas agendas variam de mês para mês. Há que sublinhar o facto de todas estas actividades apresentarem preços muito em conta, rondando 1€ para exibições cinematográficas, 3€ para concertos, etc.

Em suma, a Casa da Cultura apresenta-se como um espaço inovador e vanguardista, que promete cumprir os mais diversos interesses artísticos, estando direccionado para cidadãos de todas as idades. Para quem procura apenas fazer uma pausa enquanto visita Setúbal, o Café das Artes tem vindo a afirmar-se como uma óptima área de confraternização, onde se destacam delícias como o vinho quente com especiarias ou a sangria de champanhe com frutos vermelhos.

Clica aqui para saberes os horários e os contatos da Casa da Cultura.