Bradley Cooper admitiu pensar constantemente no suicídio devido a questões psicológicas e problemas com álcool, durante a sua participação na série A Vingadora

Numa entrevista realizada pela revista norte-americana GQ, o ator confessou que nos os tempos em que contracenava com Jennifer Garner na série televisiva A Vingadora, “só trabalhava 3 dias por semana” e que “o guião da segunda temporada” o menosprezava. “Isso destruiu a minha auto-estima e fez-me pensar em suicidar”, afirma Bradley Cooper.

Este sentimento de insegurança agravou-se ainda mais com o consumo de álcool e só ficou totalmente resolvido, quando o ator começou a aceitar “todo o tipo de papéis que pudesse”.

Com o passar do anos, Bradley Cooper conseguiu cimentar a sua presença em Hollywood, com participações de relevo em filmes como A Ressaca, Limitless e o recente  Silver Linings Playbook.

Recorde-se ainda que em janeiro de 2014, o ator chega às salas de cinema nacionais com o filme Golpada Americana.