Na Galeria da Fundação EDP Porto e na Casa da Música, realizar-se-á no dia 12 de dezembro, pelas 18h00, a X Edição do Prémio EDP Novos Artistas, uma mostra que colocará em exposição o trabalho dos nove finalistas: Ana Santos, João Ferro Martins, João Mouro, Luís Lázaro Matos, Mariana Caló e Francisco Queimadela, Musa paradisiaca, Pedro Henriques, Sandro Miguel Ferreira e Tiago Baptista.

O Prémio EDP Novos Artistas, um dos mais significativos no panorama artístico português, pretende revelar novos valores da criação nacional. No dia 27 de janeiro será anunciado o vencedor de 2013 no domínio das Artes Plásticas.

Com um valor de 10.500 euros, este prémio tem periodicidade bienal e é atribuído por um júri internacional, selecionado a cada edição, destinando-se a apoiar a continuação do estudo ou do trabalho de criação e investigação do vencedor.

As exposições do Prémio EDP Novos Artistas já apresentaram 53 artistas, muitos deles reconhecidos atualmente como valores seguros da arte contemporânea portuguesa, como é o caso de Joana Vasconcelos, Leonor Antunes, Vasco Araújo, Carlos Bunga, João Maria Gusmão e Pedro Paiva, João Leonardo, André Romão, Gabriel Abrantes e Priscila Fernandes.

A atribuição deste prémio tem-se revelado fundamental para o início ou reforço de notáveis carreiras nacionais e internacionais e só este ano concorreram um total de 567 candidatos.