Amesterdao Principal

Amesterdão: sim ou não?

Todos sabemos que as capitais europeias são, sem dúvida, os melhores destinos turísticos; algumas delas particularmente viradas para jovens. Amesterdão é uma capital predilecta, especialmente conhecida por factores como a legalização da droga ou o espírito incomum do Red Light District. Mas esta cidade tem muito mais coisas que qualquer turista – seja qual for a sua idade – pode desfrutar. Se tens um mealheiro guardado e pensas partir numa aventura europeia, aqui te apresentamos os prós e os contras da capital holandesa.

SIM √

  • A capital combina na perfeição o passado e o presente: presta homenagem a vários momentos da História do país, dando a oportunidade aos turistas de visitar locais emblemáticos como o Museu Van Gogh ou a Casa de Anne Frank; por outro lado, encontramos atracções que denotam as mais recentes tendências do século XXI, como as famosas “coffee shops” ou uma vida nocturna conhecida como uma das melhores a nível europeu.

 

Casa de Anne Frank
A Casa de Anne Frank é uma das maiores atracções turísticas de Amesterdão.

 

  • É uma cidade que respira romance e delicadeza por toda a parte: de manhã à noite, podemos ver cidadãos percorrendo a capital de bicicleta; os canais, com maravilhas fachadas habitacionais à sua beira, dão um toque de beleza bastante singular que dificilmente encontrarás em qualquer outra cidade europeia; os habitantes, na sua generalidade, representam uma mistura interessante de culturas e mostram-se bastante receptivos perante turistas.
  • É uma capital convidativa em todos os aspectos, especialmente no que toca à sua população. Os conceitos de “aceitação” e “simpatia” dominam nos habitantes de Amesterdão e um turista rapidamente consegue integrar-se na cultura, deixando de se sentir, de facto, um turista. Independentemente dos teus interesses e daquilo que procuras nesta viagem, há-de haver sempre algo ideal à tua espera.
  • As atracções turísticas prometem manter-te ocupado, tanto de dia como de noite. Pessoalmente, eu demorei quase um dia inteiro a explorar o Rijksmuseum – vale muito a pena, acreditem! Podes visitar o passado da cidade através da Casa de Anne Frank ou do Museu Van Gogh, mas podes igualmente explorar o presente através do Centro de Ciência NEMO ou da Experiência Heineken – esta última ideal para quem é um verdadeiro apreciador de cerveja. Durante a noite, o Red Light District é paragem obrigatória; e não te sintas intimidado: todos os turistas têm curiosidade em admirar as prostitutas – no entanto, esta área da capital é, acima de tudo, um óptimo destino para quem procura diversão nocturna.

 

O Rijksmuseum está adjacente à famosa instalação “I Amsterdam”.
O Rijksmuseum está adjacente à famosa instalação “I Amsterdam”.

 

  • A rede de transportes de Amesterdão é de grande eficiência: a cidade dispõe de uma rede de metro de superfície, cujos horários são bastante regulares e percorre todas as zonas que um turista pode – e deve – visitar. No entanto, o metro termina por volta das 22h, o que te obriga a guardar uns trocos para um táxi caso planeies passar a noite numa discoteca. Durante o dia, também não é má hipótese explorar a cidade a pé – pessoalmente, eu sinto-me aventureiro durante uma tarde e percorri grande parte da capital a pé; acreditem, vale mesmo a pena e não cansa assim tanto! Adicionalmente, se te queres sentir como um verdadeiro holandês, não há nada como alugar uma bicicleta!

NÃO χ

  • Amesterdão não é uma cidade propriamente barata; portanto, se estás a planear visitar esta cidade, está na altura de começares a fazer um mealheiro. Os hotéis, na sua generalidade, fazem jus à alta qualidade apresentando preços relativamente elevados; para além disso, muitos deles não contemplam a opção de pequeno-almoço. Se fores um jovem aventureiro, podes sempre optar por um hostel: é uma alternativa barata e, quem sabe, conhecerás boas companhias com um espírito tão aberto como o teu. Encontras, por exemplo, o Van Gogh Hostel (consultar sítio oficial aqui) ou o The Flying Pig Downtown (consultar sítio oficial aqui).
  • Este pormenor monetário estende-se também a outras vertentes da cidade. Os restaurantes, na sua maioria, rondam os 15€/20€ por pessoa; no entanto, podes optar por restaurantes fast food ou refeições mais leves. Recomenda-se vivamente a obtenção do I Amsterdam City Card, que é válido entre 24 a 72 horas, e te dá descontos fantásticos em restaurantes, bares e imensas atracções turísticas – por exemplo, o cartão de 72 horas apresenta um custo de 62€ e dá-te entrada livre em locais como o Jardim Zoológico e o Rijksmuseum, cujas entradas são 19,50€ e 15€ respectivamente. É de aproveitar!
  • Não podemos comparar Amesterdão a Londres ou até Lisboa no que toca à sua extensão geográfica. Em cerca de 4 ou 5 dias, ficas a conhecer a cidade de trás para a frente – ou quase. Portanto, se planeias uma estadia mais prolongada, recomendo a visita a cidades vizinhas. Na Estação Central encontrarás viagens de comboios baratas que te darão a possibilidade de passar o dia em locais um pouco diferentes desta capital – como, por exemplo, Zaanse Schans, uma cidade que atrai os turistas pelos seus famosos moinhos à beira-mar.

 

A cidade de Zaanse Schans é famosa pelos seus moinhos.
A cidade de Zaanse Schans é famosa pelos seus moinhos.

 

Com tudo isto, espero que não tenhas dúvidas de que Amesterdão é, de facto, paragem obrigatória para todos aqueles que gostam de viajar. Se és jovem e procuras um plano diferente para as tuas férias, acredita: não te vais arrepender!

Uma recomendação final: a Holanda tem um clima bastante diferente de Portugal. A minha viagem foi realizada em Agosto e, ainda assim, choveu durante uma tarde. Portanto, se queres aproveitar a tua experiência ao máximo, aconselho a que marques a tua viagem para as férias de verão – e com bastante antecedência!

  1. Já agora uma dica para quem não quer gastar muito dinheiro em comida e não se importa de comer fast-food uma ou duas vezes: o King Deal no Burger King é um menu com batata, hamburger e bebida tamanho infantil que serve perfeitamente para enganar o estômago e poupar alguns trocos para outras coisas mais interessantes como as lojas de queijo típicas e o mercado de flores ou os mercados de antiguidades como o que existe em Waterlooplein. O preço é €2. Divirtam-se e explorem Amsterdão. Cada esquina, cada surpresa!

  2. Acima de tudo, Amsterdão é uma cidade com muita alma e muito espírito.
    Concordo com a grande maioria das razões, muito embora seja talvez importante dizer que, por €54,90 euros, para quem vai à procura de fazer uma visita mais cultural, existe um Museum Card que dá entrada na grande maioria dos museus na Holanda e que tem a validade de um ano. Quer isto dizer que não abrange só Amsterdão, como também Haia e outras cidades. Muito embora não diga respeito a todos os museus, a lista é bastante extensa. Quando estive em Erasmus em Haia chegaram 3 museus para perfazer o custo do cartão e valer a pena. Existe uma lista na internet relativa aos museus em Amsterdão: http://www.amsterdam.info/museums/museumkaart/
    Se procurarem por Museum Card Netherlands facilmente chegarão à lista que abrange todos os museus a nível nacional.

  3. Tens razão, João. Numa ou duas vezes, também jantei com cerca de 10 euros. Referi este factor mais como precaução. Muitos turistas – especialmente se tiverem uma estadia curta – preocupam-se mais em visitar certas atracções e não dispensam muito tempo a explorar a cidade à procura de bons restaurantes. Eu lembro-me que demorei cerca de meia hora para encontrar encontrar um restaurante relativamente barato – ou isso ou Burger King haha. Portanto, este “não” é mais para as pessoas irem preparadas para o pior.

  4. Essa “Não” sobre os preços é como em Barcelona. É preciso saber explorar. Estive 3 dias em Amesterdão e encontrei boa comida (que não fast food) a 8-10 euros. A estadia não foi no melhor lugar, mas também ficou bastante barata.

    A cidade em realmente se tem muito mais dificuldade com os preços é realmente Paris, na minha opinião. Amesterdão está bastante razoável para o nível de vida que tem. Há muita oferta.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
‘Dungeons & Dragons’: Hugh Grant e Sophia Lillis juntam-se ao elenco