Depois das versões móveis de Grand Theft Auto III e Grand Theft Auto: Vice City, a versão San Andreas migra em dezembro para os telemóveis, quase nove anos depois de ter chegado às lojas pela primeira vez.

Na última década, milhões de jogadores controlaram a personagem Carl Johnson, ou CJ, no estado virtual de San Andreas. Como principal objectivo, aumentar a glória do seu grupo e sobreviver à lei dos gangsters. O fenómeno regressa agora, com uma versão para os dispositivos móveis. A partir de dezembro, GTA: San Andreas disponível para os smartphones com sistema operativo iOs (Apple), Android e Windows Phone, mas também para o Kindle, o e-book da Amazon.

Segundo o comunicado da Rockstar Games, empresa responsável pela saga, a nova versão móvel de Grand Theft Auto terá várias melhorias, em relação às adaptações para telemóvel de GTA III e GTA: Vice City. Para além de melhores gráficos, a versão móvel chega com novas personagens, novos modelos de carro e um novo gameplay.

Grand Theft Auto: San Andreas chegou originalmente ao mercado em 2004, para Playstation 2, depois do sucesso do episódio Vice City. Em 2005, o jogo chegava aos computadores com Windows e à Xbox, fazendo sucesso junto da crítica e conquistando os jogadores. Nos últimos anos, começou também a ser vendido na Playstation Store para a PS3.