Chegou, viu, mas ficou-se por aí. A Star FM não vingou por entre o público a que se destinava e corre o risco de fechar portas nos próximos meses. 

Atualmente a estação do regresso dos clássicos apenas é audível nas cidades de Lisboa e da Guarda, sendo que no Porto está por dias o fim da transmissão da Star FM.

Os fracos resultados audiométricos e o mercado concorrencial muito forte são dois dos motivos que podem justificar o desinvestimento do grupo Media Capital na rádio que abrange as canções das décadas de 50, 60 e 70.

A Star FM surgiu em Novembro de 2010 com o intuito de competir com a Rádio Sim, do grupo R/Com. Em 2011 o ressurgimento da Rádio Nostalgia dificultou ainda mais a massificação da estação. Até ao início de novembro emitia também para Santarém e Coimbra.