No próximo dia 28 de novembro, a Companhia Nacional de Bailado volta a apresentar a peça Cinderela no Teatro Camões em Lisboa. O espetáculo do autor e coreógrafo Michael Corder estreou, pela CNB, em março de 1997 e foi reconhecido com os prémios Lawrence Olivier e Evening Standard na área do teatro. Está em cena até ao dia 15 de dezembro.

Pode ler-se no comunicado oficial que “a sedutora partitura de Prokofiev, repleta de valsas, gavotes e mazurcas contém, em quase toda a sua extensão, algo de mágico mas também perturbador que nos anuncia, numa primeira instância, que a história não será inocente”. Michael Corder é o criador de Cinderela e considerado como um “exemplo da grande escola coreógrafa inglesa, na qual a musicalidade, a pureza técnica e a qualidade dramatúrgica são qualidades relevantes”.

Dividida em três atos, a peça conta com a participação da artista plástica Yolanda Sonnabend na realização dos cenários e dos figurinos. Cinderela é levada ao palco do Teatro Camões nos dias 28, 29 e 30 de novembro às 21 horas, nos dias 4, 5, 6, 11, 12, 13 e 14 de dezembro às 21 horas e dias 1 e 15 de dezembro às 16 horas.

No dia 27 de novembro, às 21 horas, realiza-se o ensaio geral solidário. Nesse dia, o público pode entrar e assistir à peça se oferecer um donativo à entrada. A Companhia Nacional de Bailado colabora com a Associação Sol e a Make a Wish para este ensaio solidário e todos donativos revertem a favor destas duas instituições.

Os bilhetes para a peça custam entre 5 e 25 euros. Podes ver mais abaixo um vídeo do espetáculo: