tintin01

Novas histórias do Tintin chegam até 2052

O personagem Tintin, criado pelo cartonista Hergé, vai voltar aos quadradinhos da banda desenhada até 2052.

As duas gestoras dos direitos da personagem, a Casterman e a Moulinsart, anunciaram que pretendem editar um novo livro até esse ano, de modo a que as personagens criadas por Hergé não caiam no domínio público, que acontece 70 anos após a morte do autor.

Nick Rodwell, da Moulinsart, em entrevista ao Le Soir e ao Le Monde afirmou que “Hergé não queria que outros criassem histórias novas com a personagem depois dele, mas lançaremos uma novidade um ano antes de a obra cair no domínio público”. Já a viúva do autor, Fanny Rodwell, em resposta a uma questão sobre o conteúdo no novo livro, afirmou: “Temos 40 anos para pensar nisso“.

As últimas das 24 obras lançadas das Aventuras do Tintin foram publicadas em 1976, o Tintin e os pícaros e, em 1986, o Tintin e a Alph-Art. No entanto, a última foi publicada incompleta, com esboços de Hergé.

Na mesma entrevista, a Casterman adiantou que no próximo ano irá lançar uma edição para celebrar os 80 anos do Tintin e os Charutos do Faraó.

Mais Artigos
Ennio Morricone
Morreu o compositor italiano Ennio Morricone aos 91 anos