mateus-05

Desespero de Félix de ‘Amor à Vida’ dá página no Facebook

Uma página de Facebook dedica-se a partilhar as melhores frases do vilão de Amor à Vida – Félix Khoury (Mateus Solano), e ainda a ironizar através dele situações da vida real ou até a realizar crossovers com outras novelas. Mostramos-te o conceito e algumas das melhores imagens.

Para quem acompanha a novela brasileira do horário nobre da SIC, sabe que o Félix é uma diva. Tem o seu ego nas alturas, uma grande auto-confiança e um sarcasmo que não é possível quantificar.

970416_662321203795116_312153788_n

Por isso, é natural que surja uma página no Facebook designada de Félix Perturbado, que usa o vilão de Amor à Vida para trazer comédia e ironia aos transeuntes online. Nessa página poderás deliciar-te com uma mistura de frases típicas do Félix, combinadas com histórias da novela ou episódios da vida real. Fica com alguns exemplos:

166064_657552590938644_1181686116_n

312276_658007737559796_1552639290_n

391728_659309187429651_1535262655_n

429898_660747777285792_9797454_n

574629_659117994115437_725131068_n

Mas o Félix gosta de conviver e é simpático, principalmente com as suas bff’s (best friends forever): as vilãs de outras novelas. Por isso, o Félix Perturbado também lança ocasionalmente crossovers entre personagens de novelas, como é o caso da Carmen Lúcia (Adriana Esteves), de Avenida Brasil, ou as vilãs Wanda Rodrigues (Totia Meirelles) e Lívia Marini (Cláudia Raia), de A Guerreira, novela também em exibição no final da noite da SIC.

316192_657172860976617_1638416815_n

954762_656950900998813_748207330_n

Sempre frontal. É com isso que podem contar. Se forem fãs da Carmen Lúcia, também têm a página Carminha Perturbada para se divertirem e matarem saudades da grande vilã de Avenida Brasil.

941661_656716451022258_1152546955_n

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Princípio, Meio e Fim
‘Princípio, Meio e Fim’. Estamos todos preparados para compreender Bruno Nogueira?