As equipas olímpicas de culinária participaram numa competição que decorreu em Milão, Itália. O júri teve como objetivo definir quem é o melhor chef sénior e chef júnior no mundo. A defender Portugal estiveram os chefes Jorge Fernandes (na prova sénior) e João Cunha (na prova júnior).

O segundo lugar, na categoria sénior, foi conquistado pelo português Jorge Fernandes, que apresentou os seguintes pratos: serviu como entrada salmão marinado sobre pêra abacate, lagostim com creme de couve-flor e terrina de halibut sobre salada de bulgur; como prato principal, tataki de kobe com puré de maçã e batata ao parmesão, rolo com cogumelos e molho bearnês e geleia de romesco caramelizada; e como sobremesa, bolo de chocolate 64%, com chá Dilmah, cheesecake com amêndoa torrada, crocante de laranja e gelado de manga e cravinho.

Já o júnior João Cunha conseguiu o quarto lugar, no entanto “poderia ter ficado em primeiro lugar, mas foi penalizado por não ter cumprido o tempo de saída dos pratos, registando um atraso, no total, de 15 minutos“, assegurou o chef Paulo Pinto, da equipa olímpica sénior, à Lusa.

O primeiro lugar foi alcançado, em ambas as categorias, por participantes italianos. A competir estavam países do Sul e Leste da Europa.