A16126B2E3062DE4E710ADC53B1_h467_w598_m2_q90_cWNcYPEUi

Os grandes papéis que 16 atores rejeitaram

Quando dizem que o mundo da representação é um dos negócios mais traiçoeiros que existe, não é um eufemismo. Por vezes, uma má decisão pode marcar a carreira de um ator de forma irremediável. Vários atores tiveram oportunidade de entrar em filmes ou séries que foram mega-sucessos, mas que, por algum motivo, rejeitaram a oferta de participar nesses projetos. Fica a conhecer 16 exemplos citados pelo MSN e vê se algum dos teus personagens preferidos podiam ter outra cara:

A16126B2E3062DE4E710ADC53B1_h467_w598_m2_q90_cWNcYPEUi

Ao pensarmos em Walter White da série Breaking Bad, um dos melhores personagens da televisão atual, só o conseguimos imaginar como Bryan Cranston. Porém, o papel deste protagonista foi inicialmente oferecido a Matthew Broderick, o ator que deu voz a Simba, no filme Rei Leão.

306236_height370_width518

Ninguém pode negar que Brad Pitt tem uma carreira invejada por grande parte dos atores, mas mesmo assim conseguiu recusar bons papéis. Um deles foi o de Russell Hammond, guitarrista da banda fictícia Stillwater, no filme Almost Famous. Se tivesse aceitado interpretar o guitarrista, Pitt teria contracenado com nomes como Kate Hudson ou Jason Lee. Em vez dele, Billy Crudup ficou com o papel de Russell, o que acabou por resultar bastante bem.

EB18187B769AD73587D6A1A744F89_h467_w598_m2_q90_cNzkIAowe

Outra série de sucesso poderia ter um elenco ligeiramente diferente. Segundo Jon Hamm, ele não foi a primeira opção para interpretar Don Draper em Mad Men, papel que já lhe valeu um Globo de Ouro. A escolha inicial seria o ator Thomas Jane.

E5D7D1888066C3F8C456DBBC73514_h467_w598_m2_q90_cJLTxXrIQ

Recusar participar numa série como The Sopranos, principalmente quando a oferta era o papel de Tony Soprano, parece algo que ninguém no seu perfeito juízo faria. Bem, Ray Liotta não estava louco e, ainda assim, escolheu não interpretar o membro da máfia italiana para que pudesse concentrar-se na sua carreira cinematográfica. O falecido James Gandolfini tomou o seu lugar naquela a que os críticos chamam de “uma das maiores e mais inovadoras séries de todos os tempos”.

C946E55055062DA54F9FA71F59FE7_h467_w598_m2_q90_cMfNvZQnP

Steve Carell já se afirmou como um dos melhores comediantes atuais, principalmente graças à sua personagem Michael Scott, protagonista da série de comédia The Office. Embora Steve tenha sido excelente na sua interpretação, quem iria ficar à frente da série era Paul Giamatti, protagonista da mini-série John Adams.

BD83F0CCE538F7759BD2EA1554365A_h467_w598_m2_q90_cWLMwZBOB

Continuando no mundo das comédias, Modern Family, uma das séries revelação dos últimos anos, também iria ter um ator diferente no seu núcleo de protagonistas. Ed O’Neill, que interpreta Jay Pritchett, o patriarca da família, foi a segunda escolha para o papel, após Craig T. Nelson ter rejeitado o convite. Mais importante que isso, parece que Craig não reparou que estava a negar também a oportunidade de ser marido de Sofia Vergara. Quer dizer, era impossível ele saber dessa parte e ainda assim rejeitar, certo?!

ADA83D4E21BAA7249F947295BBE9_h467_w598_m2_q90_cWxgUmbLE

Dana Delany é já um perita em recusar papéis de grande protagonismo. Como se não bastasse rejeitar a oportunidade de ser Carrie Bradshaw, uma das protagonistas da famosa Sex and the City, Dana ainda disse não à hipótese de interpretar Bree Van de Kamp, um dos papéis principais de Desperate Housewives, onde Delany participou como personagem secundária. Bem, sorte de Sarah Jessica Parker e de Marcia Cross, que ficaram conhecidas como Carrie e Bree, respetivamente.

8417957757F4C8673E9EACC247E23F_h467_w598_m2_q90_cSihRVmgi

Um dos pontos altos da carreira de Kelsey Grammer foi a sua participação na sitcom Cheers. Pelos vistos, isso poderia nem ter chegado a estar no seu currículo, já que a proposta para interpretar Frasier Crane foi inicialmente entregue a Jon Lithgow.

19151731C996FBB3CBFB7F7FF786_h467_w598_m2_q90_cHbOHUPkL

Que Pamela Anderson foi um ícone dos anos 90 não é segredo para ninguém mas, se ela quisesse, poderia ter subido ainda mais no estatuto de estrela da televisão. A eterna C.J. Parker de Baywatch recusou uma oportunidade de representar o papel de Dana Scully em The X-FilesGillian Anderson acabou por ficar com essa personagem.

34CDB245E86E18813AFEA263DE7CEE_h467_w598_m2_q90_cNYaeroyO

Assim como Ray Liotta, Bridget Fonda decidiu recusar um grande papel para se concentrar na carreira cinematográfica. A personagem em questão era Ally McBeal, protagonista da série com o mesmo nome. Calista Flockhart foi então a escolhida para ficar com o papel da famosa advogada.

9CD1458375FA268C80356FB77C53_h467_w598_m2_q90_cfnommhRn

Parece que a CBS tinha Robin Williams em mente para o papel de D.B. Russell em CSI. Após o ator rejeitar a proposta, Ted Danson foi escolhido para interpretar o supervisor do turno da noite na série policial.

3EC4960AB49410DBF3182F02037_h467_w598_m2_q90_cWVkniJNW

Saber como Jack Shepard ia viver em Lost foi o suficiente para fazer com que Michael Keaton recusasse interpretar essa personagem. Sorte de Matthew Fox, que ficou com o papel.

3E7D90705CC465B3DDEAF3B2E9C13_h467_w598_m2_q90_carGLsDsv

Outro membro importante de Sex and the City esteve perto de ser diferente. O papel de Miranda foi oferecido a Sandra Bernhard, mas esta recusou-o, dando assim lugar a Cynthia Nixon.

0CB56E7F22760FFD1E16F86788697_h467_w598_m2_q90_cTabgoViS

Downton Abbey pode ser um fenómeno da televisão atual, mas nem todos querem fazer parte dele. A atriz Gillian Anderson não quis o papel de Lady Cora, que acabou por ficar para Elizabeth McGovern.

3374B596AE46FF76F7D61DAEB4D744_h467_w598_m2_q90_cTZWNrttK

Uma das séries para adolescentes mais famosa de sempre poderia ter sido totalmente diferente se Ryan Reynolds tivesse sido escolhido para o papel de Xander Harris em Buffy the Vampire Slayer. Não é certo se foi algo bom ou não, mas a verdade é que Nicholas Brendon fez um excelente trabalho a interpretar Xander.

2C1E81CA5D856BF7725489A5F86B55_h467_w598_m2_q90_cTCnfmHDg

Buffy sem Buffy não era Buffy. É certo que é só uma personagem, mas está tão ligada a Sarah Michelle Gellar, que é quase impossível imaginarmos outra pessoa a interpretar a caçadora de vampiros mais famosa da televisão. Porém, isso esteve perto de acontecer, quando Katie Holmes recebeu a oferta para o papel de Buffy. Sarah fez audição para o papel de Cordelia, mas quando Katie recusou a oferta de trabalho, esta assumiu a liderança da série.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
All Together Now
‘All Together Now’ ganha edição especial com crianças