josepilar-cartaz

“José e Pilar” sob preservação da Cinemateca

Fundação José Saramago adquiriu todo o material de pesquisa e brutos do documentário José e Pilar e entregou-os à Cinemateca Portuguesa na passada terça-feira.

O espólio encontra-se agora depositado no Centro de Conservação (ANIM) da Cinemateca, de modo a garantir as condições adequadas de conservação e permitir o acesso a investigadores.

Recorde-se que o documentário, realizado por Miguel Gonçalves Mendes, foi filmado ao longo de quatro anos, entre 2006 e 2010, tendo sido captadas mais de 240 horas de imagens, e foi o candidato português aos Oscars.

Entre o material inédito, informa a Fundação, “estão entrevistas, palestras e conferências, bem como todo o processo de ensaios e estreia do espetáculo de teatro As Intermitências da Morte que contou com a participação de José Saramago e do ator Gael Garcia Bernal”.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
Terra Brava está em últimos episódios na SIC.
Audiências. SIC continua em alta no horário nobre