O autor português foi o vencedor da primeira edição do Prémio Salerno Livro d’Europa, que decorreu em Itália, pela obra Livro. O prémio tem o valor de 5000 euros.

O júri, composto por 50 personalidades e leitores que trabalham no mundo eleitoral italiano, elegeu o romance do escritor luso como o melhor de entre os dos autores europeus com menos de 40 anos.

Em declarações à Lusa, José Luís Peixoto afirma estar “contente” com esta distinção. Publicado em Portugal em 2010, Livro é, para o autor, “um livro muito importante” pois, segundo reforça, “parte de um tema que é sensível de tratar e que foi um pouco ambicioso”.

Livro foi também finalista do Prémio Femina, em França. Além disso, José Luís Peixoto tem sido galardoado diversas vezes pela crítica internacional com várias das suas obras. Nenhum Olhar foi vencedor do Prémio Saramago, em 2001, e a obra Cemitério de Pianos está na lista do Prémio Impact Dublin

José Luís Peixoto tem 38 anos e é natural de Galveias, em Ponte de Sor.