A cidade portuguesa foi eleita pela Lonely Planet, uma editora de guias de viagens. Esta distinção surgiu após o Douro ter sido considerado “o melhor destino fluvial português”, pelo Huffington Post.

A lista da Lonely Planet inclui cidades como Bupadeste (Hungria), Copenhaga (Dinamarca), Moravia (República Checa), Berna (Suíça), Irlanda do Norte, Cinque Terre (Itália), Zagreb (Croácia) e Islândia do Norte. No entanto, foi a cidade do Porto que ficou em primeiro lugar enquanto melhor destino europeu de férias de 2013.

Helena Gonçalves, diretora executiva da Associação de Turismo do Porto (ATP), afirmou à Lusa que esta distinção da editora de guias de viagens, não só aumenta a “visibilidade do destino e faz crescer anualmente o número de visitantes estrangeiros”, como privilegia cidades que “oferecem cultura, história e aventuras outdoor, fora do circuito das cidades mais populares europeias”.

A diretora executiva adiantou, ainda, que a ATP deu apoio à Lonely Planet no que diz respeito à atualização do seu guia de viagens relativamente ao Porto e à região do Douro.