timthumb

O que acontece às nossas redes sociais depois de morrermos?

A questão foi debatida por vários websites, apesar de não ser um tema muito debatido no dia-a-dia. Ainda assim, com o objectivo de suavizar o tema da morte nas redes sociais, várias empresas criaram aplicações que permitem uma mensagem post-mortem da parte de um falecido no seu twitter e facebook.

A aplicação para facebook intitulada If I Die permitirá que um utilizador desta rede social deixe uma mensagem, em texto ou vídeo, no seu perfil. A mensagem estará programada para aparecer apenas depois do óbito da pessoa. Para tal, o utilizador deve dar os seus dados a um administrador da página para que a mensagem seja divulgada no perfil do próprio internauta. Em alternativa, a mensagem pode ser também enviada apenas para amigos específicos do utilizador.

Para além desta aplicação, o facebook criou ainda um formulário para prestar uma homenagem aos utilizadores já falecidos, mas com conta ainda ativa.

LivesOn-App-Twitter

Para o twitter, existe a LivesOn, que após uma análise dos tweets de um utilizador,  continuará a publicar informações que sejam do seu interesse, mesmo após o seu óbito.

7982_DEadSocialR1

Tanto para o twitter como para o facebook existe a DeadSocial, uma página que requer a criação de uma conta através das respectivas redes sociais. Os futuros posts do utilizador são para o futuro assim como as mensagens de parabéns aos amigos do utilizador no dia dos seus aniversários. As mensagens podem ser programadas para datas futuras escolhidas pelo utilizador. Tal como na If I die, o utilizador deve ceder os seus dados a um administrador da página antes de ter acesso às funcionalidades.

Mais Artigos
Borat
‘Borat 2’: Sacha Baron Cohen expõe a “perigosa queda no autoritarismo”