MiaCouto-2

Mia Couto vence o Prémio Camões

O autor de livros como A Confissão da Leoa e Raiz de Orvalho é o vencedor, deste ano, do Prémio Camões, a distinção literária mais importante da língua portuguesa. O prémio tem um valor de 100 mil euros.

Mia Couto foi distinguido devido “à vasta obra ficcional caracterizada pela inovação estilística e a profunda humanidade“, afirmou José Carlos Vasconcelos, um dos jurados, à Lusa. O anúncio foi feito segunda-feira, no Rio de Janeiro.

Com cerca de 30 livros, os trabalhos de Mia Couto são valorizados pela “criação e inovação verbal”, além de que o autor apresenta “uma cada vez maior solidez na estrutura narrativa e capacidade de transportar para a escrita a oralidade”, acrescenta o jurado.

Traduzidos em 24 línguas, os seus livros têm ultrapassado fronteiras, sendo o escritor um dos mais conhecidos a nível mundial.

O júri foi composto por Clara Crabbé Rocha (filha de Miguel Torga), José Carlos Vasconcelos, os brasileiros Alcir Pécora e Alberto da Costa e Silva, e pelos escritores José Eduardo Agualusa e João Paulo Borges Coelho.

À Lusa, Mia Couto confessou estar “surpreendido e feliz“, por ter sido galardoado com o 25º Prémio Camões. Segundo noticia a Sic Notícias, o escritor adiantou que, com o valor do prémio, gostava de criar um projeto que dê “espaço aos jovens escritores moçambicanos” uma vez que todas as semanas vários jovens batem à sua porta com manuscritos para serem avaliados. O autor afirmou que este gesto lhe causa “muita impressão“.

Não existe instituição em Moçambique que possa receber esta gente, que possa organizar um momento que é essencial, que é escutar, olhar aquele texto preparado pelo jovem e poder ver se ali há uma potencialidade de alguém que pode ser amanhã um escritor“, salientou.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
The Black Mamba Festival da Canção 2021
The Black Mamba são os grandes vencedores do Festival da Canção 2021