tn_280_651_marilyn-manson-laurent

Marilyn Manson e Kim Gordon na nova campanha da Saint Laurent Paris

Depois do lançamento do perfume Manifesto com Jessica Chastain ao leme, a Saint Laurent Paris lança agora a campanha publicitária da sua linha de menswear. Fotografada por Hedi Slimane, diretor criativo da marca, a campanha conta com a participação de vários nomes do rock, como Marylin Manson, Courtney Love, Kim Gordon Ariel Pink.

Sob o título The Saint Laurent Music Project, esta campanha é seguramente um ponto ganho para a casa francesa, não só pela qualidade das imagens como pela escolha dos rostos que a protagonizam. Personalidades essencialmente ligadas ao rock e à cena musical de Los Angeles, partilharam esta injeção de rebeldia e dinamismo que conflui com a atuação de Slimane enquanto diretor criativo da marca.

Todas as personalidades tiverem a liberdade de escolher os seus outfits para a campanha. “Se o Hedi vê em mim uma musa, isso é ótimo! Adorei a [coleção] pre-fall e as coleções das duas primeiras estações. Este é o meu uniforme de palco“, adianta Courtney Love à Wonderland Magazine.

A chegada de Hedi Slimane à Yves Saint Laurent marcou um ponto de viragem na estratégia comercial da marca. Começou por mudar o nome da mítica casa francesa para Saint Laurent Paris, atitude que surtiu um turbilhão de críticas entre os clientes mais antigos e personalidades ligadas à indústria.

Sob o jugo de Slimane, o ateliê foi transferido de Paris para Los Angeles. A sua primeira coleção assemelhou-se ao trabalho que levou a cabo na Dior Homme e a segunda foi alvo de muitas críticas, que o acusaram de desvirtuar o espírito da marca, optando por uma estética grunge, comercial e sem qualquer inovação. Eric Watson, do The New York Times, chegou a comparar a coleção à marca de fast-fashion Topshop e a referir que o seu trabalho não passava de “uma grande piada“.

RDuJour.com-Saint-Laurent-Pre-Fall-2013-Campaign-Courtney-Love-Marilyn-Manson-Kim-Gordon-Ariel-Pink-010
Ariel Pink fotografado por Heidi Slimane para a nova campanha da Saint Laurent Paris.

Pelo contrário, Pierre Bergé, um dos fundadores da empresa e eterno companheiro de Yves Saint Laurent, assume-se como admirador do trabalho de Slimane e refere que o designerestá a fazer o que precisa ser feito“.

Alguns criadores adaptam-se ao arquivo da marca e vão gradualmente impondo o seu ponto de vista. Outros, pelo contrário, adaptam-na aos seus parâmetros, e esta tem sido a linha seguida por Slimane enquanto diretor criativo. Indiferente às críticas que se avolumam em torno do seu trabalho, Slimane não dá o braço a torcer e segue confiante no seu processo de rejuvenescimento da Saint Laurent Paris. Profundamente inspirado pela música, o designer tem-se apoiado nas suas referências musicais para levar a cabo esta renovação estratégica.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
moxie netflix
‘Moxie’. Comédia feminista de Amy Poehler chega à Netflix