cn_image

Audrey Hepburn é capa da Vanity Fair

Aos 20 anos da sua morte, a edição de maio da Vanity Fair homenageia Audrey Hepburn. A capa é uma fotografia da emblemática atriz, que morreu com 63 anos de idade, em 1993.

Os relatos do filho Luca Dotti, fruto do casamento entre Audrey e o psiquiatra italiano Andrea Dotti, que durou 13 anos, foram o guia para a revista revisitar a diva do cinema. “Ela olhava-se ao espelho e dizia: ‘Não entendo por que razão as pessoas me acham bonita”, afirmou Luca, acrescentando que Audrey achava que tinha “um nariz e uns pés grandes, e que era magra e não tinha peito suficiente”. 

No entanto, para Audrey Hepburn, o envelhecimento era um processo natural, considerando este desenvolvimento como uma oportunidade para ter mais tempo para si e para a sua família.

Em março a atriz já tinha sido protagonista de uma publicidade à marca Galaxy Chocolate, tal como noticiou o Espalha Factos.

 

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
marta ren
À Escuta. Marta Ren, Jorge Benvinda e João Couto entre os destaques da semana