nicola-formichetti-656x492

Nicola Formichetti abandona direção criativa da Mugler

Os rumores confirmaram-se e Nicola Formichetti abandonará o cargo de diretor criativo da Muglerpor acordo mútuo“. Segundo o site WWD, a marca francesa ainda não tem um substituto.

Parte de uma geração de “star-designers”, antes de ser admitido como diretor criativo da Mugler, Nicola foi responsável pela criação da imagem de Lady Gaga ou pelo lançamento do Zombie Boy. À frente da casa francesa, cumpriu a missão de rejuvenescer a marca que conheceu o seu auge nos anos 80 e 90. Alterou o nome da marca de Thierry Mugler para Mugler, simplesmente. Apesar disso, esta mudança não provocou reações tão controversas quanto a que Heidi Slimane fomentou na Saint Laurent.

Em apenas dois anos, Nicola conseguiu alargar o público da Mugler às camadas mais jovens, através de várias ações de marketing, como a aparição de Gaga no seu primeiro desfile para a marca, na temporada de outono-inverno 2011. Aproveitou o background da Mugler para se associar a diversas celebridades de topo e tomar de assalto as redes sociais.

Ao WWD, Joel Palix, presidente da Clarins Fragrance Group e diretor-geral da Mugler, reconheceu o valor do legado de Nicola e o seu talento para a comunicação e na percepção da imagem e do design modernos. O seu trabalho surge determinante para a estratégia comercial futura da casa francesa. Apesar de pouco familiar para o público português, vale a pena lembrar que Nicola Formichetti foi a capa do primeiro número impresso da revista DSection e que também contribuiu para o editorial de capa da segunda edição, fotografado por Mariano Vivanco.

Nicola Formichetti fotografado por Mariano Vivanco, na capa da revista portuguesa DSection.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Mais Artigos
André Anjos e Maria Mendes
Portugueses André Anjos e Maria Mendes nomeados para os Grammys 2021