Foi anunciado esta quinta-feira que Martin Scorsese, juntamente com a Miramax e a GK Films, está já desenvolver uma adaptação do filme nomeado a Óscar em 2002, Gangs de Nova Iorque, para o pequeno ecrã.

Afirmando que existe uma panóplia de personagens e histórias na rica herança americana, Martin Scorsese disse acerca do seu filme, que “não conseguiram explorá-las inteiramente num filme de duas horas”. Por isso, acrescenta que “uma série televisiva permite-nos tempo e liberdade criativa para dar vida a este mundo cheio de cor, e todas as implicações que tinha, e ainda tem na nossa sociedade”.

Ao explorar o nascimento do crime organizado na América, o enredo passar-se-à na cidade de Nova Iorque, tal como no filme, mas também noutras cidades, incluindo Chicago. A série partirá, assim, dos eventos começados por Leonardo Dicaprio, Cameron Diaz e Daniel Day-Lewis no filme e terá lugar no virar do século XX.

Richard Nanula, presidente da Miramax, acrescentou que “não há ninguém melhor para exemplificar o que a nova Miramax é e irá ser como Martin Scorsese”, elogiando a sua dedicação em atingir qualidade e histórias capazes de entusiasmar qualquer pessoa que trabalhe com ele ou veja os seus filme e série televisivas.

Sendo já o produtor da famosa série dramática Boardwalk Empire, este novo projeto de Scorsese será a sua mais recente aventura no pequeno ecrã, arriscando na transformação de um dos seus filmes mais prestigiados em série televisiva.