As salas de cinema portuguesas receberam esta quinta-feira oito estreias nacionais. Num semana em que o drama predomina na tela, o Espalha-Factos destaca como Estreia da Semana uma nova aposta portuguesa: Quarta Divisão. Analisamos ainda o box office nacional da semana que passou.

Realizado por Joaquim Leitão, a nossa Estreia da Semana tem como ponto de partida o desaparecimento de Martim Cabral e Melo, uma criança de nove anos, no colégio privado onde estuda. A Quarta Divisão da Polícia monta uma grande operação de busca por toda a cidade para o encontrar, e todas as hipóteses se tornam possíveis. A questão é: o que aconteceu realmente?

É nesta trama portuguesa, que nos revela a verdadeira faceta de quem menos esperamos, que Adriano Luz, Carla Chambel, Paulo Pires, Martim Barbeiro, entre outras caras bem conhecidas dos portugueses, se juntam para protagonizarem esta história dramática.

O filme foi rodado entre Óbidos, S. Miguel, Santarém, e a capital portuguesa, tendo sido produzido pela MGN Filmes. O argumento é assinado pelo próprio realizador.

Quarta Divisão 2

Agora Fico Bem marca outras das estreias cinematográficas desta semana. Realizado por Ol Parker, este drama conta a história de Tessa, uma adolescente de 17 anos, que tem paixão pela vida. Quando lhe é diagnosticada uma doença terminal, Tessa decide utilizar cada momento da sua vida. Com a ajuda da sua amiga Zoey, cria uma lista daquilo que uma adolescente normal devia experimentar, incluindo perder a virgindade e tomar drogas, e começa a pô-la em prática. Enquanto a sua família lida com o medo e a tristeza, cada um à sua maneira, Tessa explora um mundo totalmente novo, acabando por se apaixona-se por Adam, o seu novo vizinho, uma experiência que não estava na lista mas que acaba por ser a mais emocionante de todas.

Corações Perdidos, de Jake Scott, segue a viagem de trabalho Doug a Nova Orleães, onde este conhece Mallory, uma jovem fugitiva, impulsiva e revoltada, que vive uma vida pouco recomendável como stripper. Motivado por sentimentos que ele próprio não compreende, Doug decide abandonar a sua antiga vida para salvar a desta jovem. Mas esta situação complica-se com a presença de Lois a mulher de Doug, que libertando-se dos medos que a prenderam em casa durante anos, se junta a eles.

Um novo filme esta semana é também Criaturas Maravilhosas, realizado por Richard LaGravenese. Este drama conta a história de dois apaixonados: Ethan, um jovem desejoso de sair da sua pequena cidade, e Lena, uma misteriosa rapariga recém chegada à cidade. Juntos, eles descobrem segredos sobre as suas famílias, a sua história e sua cidade.

E Se Vivêssemos Todos Juntos?, de Stéphane Robelin, apresenta-nos AnnieJean, Claude, Albert e Jeanne. Todos estão ligados por uma sólida amizade de mais de 40 anos. Quando a memória lhes começa a faltar e o coração a enfraquecer e passam a sentir o espectro do lar de terceira idade, todos eles se revoltam e decidem viver juntos. O projeto parece louco mas, mesmo que a proximidade levante velhas lembranças, começa assim uma aventura formidável: uma comunidade aos 75 anos.

Laurence Para Sempre, de Xavier Dolan, conta a história de Laurence, um transexual em transição para mulher, que anuncia à sua namorada, Fred, que deseja mudar de sexo. Tentam, durante 10 anos, sobreviver a esta transição e embarcam numa viagem épica que, sem que o saibam, poderá custar a Fred e Laurence a sua relação.

O Último Desafio, realizado por Je-Woon Kim, tem como enredo Ray Owens, que parte para o interior dos Estados Unidos e assume a posição de xerife numa pequena cidade na fronteira com o México. O que ele não esperava era que um poderoso homem das drogas, que escapou recentemente da prisão, quisesse cruzar a fronteira exatamente na cidade onde trabalha. Para enfrentá-lo, Ray precisa reunir todo o pessoal que tem à disposição.

Por fim, com o filme de animação Zarafa, de Jean-Christophe Lie e Rémi Bezançon, chega-nos a história de um ancião africano que conta às crianças que o rodeiam uma antiga história. Livremente inspirado na verdadeira história da girafa oferecida pelo Paxá do Egipto ao Rei de França em 1827, o filme conta a odisseia de Zarafa, uma girafa capturada, e as tentativas de um menino de dez anos, Maki, para levar Zarafa de volta ao Sudão.

Eis o trailer da nossa Estreia da Semana, Quarta Divisão:

BOX OFFICE

Na semana de 21 a 27 de fevereiro, Die Hard-Nunca É Tarde Para Morrer lidera a tabela dos mais vistos com 137.278,80 € acumulados na semana passada, e com 29.358 espetadores. Seguem-se Aguenta-te Aos 40!, com 86.936,18 € e 18.639 espetadores, e no 3º lugar Força Anti-Crime, com 82.007,10 € e 17.673 espetadores. As restantes informações podem ser consultadas aqui.