A partir desta quinta-feira, dia 7 de fevereiro, chegam às salas de cinema portuguesas seis novas produções cinematográficas. Da comédia à ação/aventura, passando também pelo drama, a escolha do Espalha-Factos para Estreia da Semana recai para este último género. O destaque vai, assim, para O Mentor. Analisamos ainda o box office nacional da semana passada.

Realizado por Paul Thomas Anderson, O Mentor conta o drama de Freddie Quell (Joaquin Phoenix), um veterano da Marinha norte-americana que regressa à Califórnia depois de vários anos a lutar no Pacífico, durante a II Guerra Mundial. Freddie é um alcoólico viciado em sexo e com enormes dificuldades em conter um génio imprevisível e violento. Mas o fim da guerra traz também a esperança e a vontade de acreditar numa oportunidade para refazer a sua vida. Assim, ao esforçar-se para se adaptar de novo, conhece Lancaster Dodd (Philip Seymour Hoffman), o carismático líder de um movimento filosófico que se auto-intitula de “A Causa”. Dodd toma-o sob a sua protecção e, entre ambos, acaba por nascer uma relação muito próxima, complexa e difícil que se desenrolará durante quase uma década.

O filme conta ainda com a participação da atriz Amy Adams que, juntamente com Phoenix e Hoffman, estão nomeados para as categorias de Melhor Atriz Secundária, Melhor Ator, e Melhor Ator Secundário, respetivamente, pela Academia Norte-Americana. Com argumento também de Paul Thomas Anderson, O Mentor arrecadou 736,311$ no seu primeiro fim-de-semana de exibição no Estados Unidos.

O Espalha-Factos já viu o filme e já escreveu a crítica. Podes lê-la aqui.

O Mentor

Hitchcock, de Sacha Gervasi, é o outro filme dramático que estreia esta semana. Centrado na produção de Psycho (título original), em 1960, realizado por Alfred Hitchcock, a película de Gervasi mostra-nos a cativante e complexa história de amor de Hitchcock, sem a qual o seu mais controverso filme não teria sido conseguido criar.

Na comédia, estreiam dois filmes: A Arte de Amar e Sangue Quente. O primeiro, realizado por Emmanuel Mouret, conta cinco histórias de amor e sexo. Achille está bem sozinho, mas acredita que pode viver uma aventura com a sua nova vizinha. Depois dos 50 anos de idade, Emmanuelle quer deixar seu marido Paul para viver novos amores. Vanessa admite ao seu companheiro que deseja dormir com um colega de trabalho. Zoé propõe à amiga Isabelle que durma com seu marido, e a própria Isabelle acaba ajudando Amélie testar a fidelidade de um admirador.

Em Sangue Quente, de Jonathan Levine, um vírus misterioso devastou a civilização, transformando as suas vítimas em monstros comedores de carne, sem memória das suas vidas passadas. Mas tudo se altera quando um grupo de zombies esfomeados se cruza com um grupo de humanos em busca de mantimentos. R, um zombie com alma, fica de tal forma cativado pela bela humana Julie que acaba por salvá-la de ser comida pelos seus companheiros.

Por fim, chega-nos As Aventuras de Vickie e a sua sequela Vickie e o Tesouro dos Deuses. O primeiro, realizado por Michael Herbig, conta a história de Vickie, um pequeno Viking, diferente dos outros. Um dia a sua aldeia é invadida por terríveis estranhos com máscaras de dragão, que pilham tudo sem misericórdia incluindo o maior bem da aldeia: as crianças. No segundo, de Christian Ditter, o pai de Vickie debate-se com questão: conseguirá o pequeno Vickie tornar-se num verdadeiro Viking? Inesperadamente, Vickie tem a sua grande hipótese quando Sven – o Terrível – rapta o chefe de Flake.

Eis o trailer de O Mentor, legendado em português:

BOX OFFICE

Na semana de 31 de janeiro a 6 de fevereiro, O Impossível continuou a liderar a tabela, tendo arrecadado na semana passada 260.987,78€ e 52.660 espetadores. Segue-se Lincoln, que arrecadou 234.735,09€ e 46.450 espetadores. A fechar o top 3, encontramos Django Libertado, com 200.142,60€ e 39.760 espetadores somados na semana que passou. Informações mais detalhadas podem ser consultadas aqui.