Justin Bieber anda sempre nas bocas do mundo, não fosse ele uma das estrelas mais populares do momento. Depois de um paparazzi ter morrido ao tentar fotografá-lo, surgem as notícias de que um ex-segurança seu o está a processar por alegados maus tratos.

Entre março de 2011 e outubro de 2012, Moshe Benabou foi segurança na empresa que organizou as tournées de Justin Bieber.  Tentando afastar as histéricas fãs da estrela pop, o ex-guarda-costas alega que Bieber o maltratou, despedindo-o,  e lhe deu socos no peito.

O caso foi levado a Tribunal pelo suposto lesado, que pede uma indemnização de cerca 421 mil dólares, que inclui também alegados salários e outras regalias, em atraso. De acordo com o site americano TMZ, representantes de Bieber rejeitam as alegações feitas por Moshe Benabou dizendo que a acusação é “absurda” e que o ex-guarda-costas não é nada mais que um “funcionário descontente à procura de dinheiro“.

Entretanto, o fórum online 4Chan foi criticado por supostamente os seus usuários terem incentivado os fãs de Bieber a cortarem-se e a colocar as imagens on line numa tentativa de dissuadir o jovem cantor de fumar marijuana.

Foto: The Grosby Group