The Color Run surgiu nos EUA, há cerca de um ano e meio, e chega este ano a Portugal. O nosso país é o primeiro da Europa a receber esta corrida inspirada no festival das cores hindu. Uma ‘prova’ cujo objetivo é a diversão e onde, a cada quilómetro, que corresponde a uma cor, os participantes vão sendo pulverizados com tintas diversas.

Jorge Azevedo, um dos responsáveis por trazer a Color Run a Portugal, explica que este percurso de cinco quilómetros pode ser realizado a «correr, caminhar ou rastejar» e, desde os mais novos aos mais velhos, sendo atletas ou amadores, todos podem participar. Cada quilómetro corresponde a uma cor. São elas o amarelo, o laranja, o cor de rosa e o azul, e deste modo à medida que os participantes vão terminando cada quilómetro são pulverizados com a respectiva cor.

As cidades portuguesas que acolhem este evento são Matosinhos, já a 10 de março, e Coimbra, a 4 de maio. Ainda com datas a definir estão as cidades de Lisboa, de Braga e Faro.

Já se encontram abertas as inscrições para a corrida de Matosinhos, tendo um custo variável. Para inscrições individuais paga 17 euros; para equipas com no mínimo quatro participantes o valor é de 15 euros por participante. Para as crianças até aos oito anos a inscrição é gratuita, contudo a partir dessa idade e até aos 13 tem um valor de 10 euros.

Na inscrição está incluída uma t-shirt branca de uso obrigatório, uma fita do cabelo, uma tattoo e um saquinho individual de cor. No fim do percurso os participantes são prendados com o “Color Blast”, ou seja, a explosão de cor, assim como podem usufruir de um animado e colorido convívio.

A organização do evento faz questão de salientar que todos os produtos utilizados são 100% naturais, não constituindo um risco para a saúde e sendo facilmente laváveis. A t-shirt branca que usares no inicio da prova sairá no fim com todas as cores do arco íris.

Mais informações na página oficial do Facebook.