O filme realizado pelo austríaco Michael Haneke, Amour, foi o grande vencedor deste ano da cerimónia de prémios European Film Awards, realizado em La Valleta (Malta).

Amour conquistou vários galardões nesta 25ª edição dos prémios da European Film Academy, entre os quais o de melhor realizador europeu (Michael Haneke), que já tinha sido premiado em Cannes com a Palma de Ouro. Ganhou também na categoria de melhor filme europeu, derrotando nomes como César Deve Morrer, Vergonha e Intocáveis. E ainda bateu os concorrentes nas categorias de representação, vencendo melhor atriz europeia (Emmanuelle Riva) e melhor ator (Jean-Louis Trintignant).

Esta longa-metragem passou recentemente, fora de competição, pelo Lisbon&Estoril Film Festival e é uma produção que trata uma história de amor entre um casal idoso de professores de música que veem o seu amor a ser testado quando a mulher sofre um ataque.

A atriz portuguesa Rita Blanco integra o elenco desta obra franco-alemã, participando em pequenas partes como porteira.