O Modelo Continente permaneceu em setembro como marca número um em investimento publicitário. A marca da Sonae tem um share of voice de 4,7% relativamente ao total do mercado e 11,6% na percentagem relativa aos 20 maiores anunciantes, avança a MediaMonitor

No mês em análise, os anunciantes nacionais colocaram 2,2 milhões de inserções publicitárias nos meios above the line – televisão, rádio, imprensa, cinema e outdoor. Este valor representa uma descida mensal de 22,7% relativamente a agosto e de 17,5% relativamente ao mesmo período do ano passado.

Na tabela dos maiores investidores publicitários juntou-se ainda ao Modelo Continente a Portugal Telecom, que subiu ao segundo lugar, com 3,8% do investimento total. A ZON Multimédia foi terceira, com 2,8%.

Em setembro de 2011, os 20 maiores anunciantes representaram 40,8% do valor publicitário registado em preços de tabela. Neste grupo incluem-se seis empresas das telecomunicações, cinco do grande consumo, quatro da distribuição, duas da área automóvel e quatro de outros setores.

Os maiores investidores privilegiaram, acima da média, a televisão, que mereceu 89,7% dos seus budgets.

Nos primeiros oito meses do ano, a Televisão continua a dominar o investimento publicitário, representando 75,3% do investimento. Este valor representa uma pequena quebra de 0,2 pontos percentuais (p.p) na comparação com o mês anterior. O valor perdido foi dividido pelo Outdoor e pela Imprensa, a subirem 0,1 p.p cada um.