Depois de muita controvérsia em relação ao fim dos Foo Fighters, Dave Grohl utilizou a página oficial da banda no Facebook para emitir um comunicado a todos os fãs, com a intenção de mostrar que se trata de uma pausa e não do fim da banda.

Após um concerto em Reading, em Agosto, o vocalista da banda e ex-baterista dos Nirvana, afirmou que era o ”último concerto por muito tempo da banda’‘.

No entanto, Dave Grohl no principio deste mês, explicou num post no Facebook que “houve alturas em que quis desistir… mas não posso desistir desta banda. E nunca o vou fazer. Porque não é só uma banda para mim. É a minha vida…“, referiu o músico antes de anunciar a pausa. “Não sei quando é que os Foo Fighters vão voltar a tocar. É estranho dizer isso, mas é bom para nós sair por uns tempos.”.

No mesmo post, o músico garantiu que está completamente concentrado na realização do seu documentário, que considera ser ”o maior e mais importante projeto em que já trabalhei”.

Recorde-se que a banda esteve presente no nosso país, o ano passado, onde foi cabeça de cartaz do Festival Optimus Alive