Imorais”. É assim que o governo de Putin classifica alguns desenhos animados tais como Os Simpsons e South Park. A nova lei, que entrou em vigor no passado dia 1, proíbe a transmissão de programas com insultos, calão, violência e sexo antes das onze da noite.

A justificação dada pelo governo russo é clara: proteger os menores. Segundo o governo russo certas imagens podem estimular o uso de drogas, tabaco, álcool e até mesmo incentivar a violência. Por isso, os programas que incluam cenas que consideradas “danosas” às crianças só poderão ser exibidas fora do horário infantil, ou seja, depois das 23 horas.

O canal russo 2×2 já tem uma estratégia para continuar a transmitir as séries. Segundo Lev Makarov, diretor geral do canal, “vamos retocar de forma irónica todas as cenas que a nova lei proíbe. Por exemplo, usar uma tela preta com uma mensagem sarcástica em legendas.” O programa Itchy and Scratchy Show que integra Os Simpsons são uma das partes que terá de ser cortada.

Mas não é a primeira vez que o canal tem problemas com as séries animadas que transmite. Em 2008 um episódio da série South Park foi também alvo de uma queixa por parte de um grupo conservador. O caso acabou por não ter qualquer consequência.