Beck, que nunca foi o mais convencional dos artistas musicais, prepara-se para lançar um “álbum” que não vem na forma esperada. Song Reader é o seu nome e será publicado pela editora britânica Faber and Faber, já que é constituído por partituras.

O álbum, que sai em dezembro deste ano, é constituído por vinte folhas musicais com as anotações necessárias para pôr os fãs a dar vida às músicas que Beck compôs. É essa a principal premissa desta ideia.

Para além disso, cada canção virá com ilustrações de diversos artistas, como Marcel Dzama, Leanne Shapton, Josh Cochran, Jessica Hische, entre outros.

O diretor da editora Faber and Faber, Lee Brackstone, afirmou que «Beck é um dissidente entre as estrelas pop da nossa e de qualquer outra altura. Assim que vi o Song Reader, a relevância do conceito abalou-me. É maravilhoso ter o Beck numa lista de músicos que fazem parte da casa Faber, como Julian Cope, Prince, Jarvis Cocker ou Nicky Wire. Song Reader é um manifesto radical acerca do valor e importância da música tocada e gravada, quando estas duas coisas estão sob graves ameaças».

O último álbum de Beck, lançado em 2008, foi o mais tradicional Modern Guilt. Já este ano, lançou um single intitulado I Just Started Hating Some People Today.

Ouve-o aqui:
watch?v=YI8iSeE9JxQ