A curta-metragem North Atlantic, do realizador português Bernardo Nascimento, é finalista do Your Film Festival, lançado no YouTube, e será exibida no festival de cinema de Veneza, em Itália, disse o autor à agência Lusa.

A organização do Your Film Festival divulgou hoje a lista dos dez filmes finalistas e a curta-metragem portuguesa está entre eles, depois de ter integrado os 50 semifinalistas, entre 15 mil candidatos.

No festival de Veneza, um sonho tornado realidade para o autor português de 36 anos, os dez filmes serão avaliados por um júri internacional que inclui o realizador Ridley Scott e o ator Michael Fassbender, sendo que o vencedor do concurso receberá um montante de 400 mil euros com vista à realização de uma longa-metragem.

Caso ganhe, Bernardo Nascimento apresentará o projecto da sua primeira longa-metragem, com o título provisório Ocean Size.

Demonstrando humildade, o realizador reconhece que “Independentemente de quem ganhar aquele prémio, é muito importante poder estar em Veneza“, porque estarão presentes vários profissionais de cinema, produtores e realizadores, e é possível conseguir alguma coisa lá.

North Atlantic, uma co-produção anglo-portuguesa feita com cinco mil euros, é uma curta-metragem de 15 minutos inspirada em factos verídicos.

Conta a história da relação que se estabelece entre James, um piloto escocês, e Hugo, um controlador aéreo a trabalhar nos Açores, através da rádio perante a iminência de um desastre.

O enredo partiu de uma notícia que o realizador leu num jornal sobre um piloto que só tinha combustível para mais duas horas de voo, quando a pista mais próxima estava a quatro horas de distância.

Falado em inglês, o filme teve a estreia em 2010 no Festival de Cinema de Londres e já percorreu dezenas de certames internacionais e ganhou vários prémios. Enquanto concorrente no Your Film Festival, na plataforma YouTube, o filme foi visto por 85 mil pessoas em Portugal durante um mês, um número que satisfaz Bernardo Nascimento.

O festival de Veneza arranca a 29 de agosto, mas o realizador terá que ter pronto o dossier do projecto da longa-metragem Ocean Size nas próximas duas semanas.

O filme pretende adaptar um livro do escritor escocês Adam Dewar e será rodado na Escócia e possivelmente na Madeira, de onde são naturais os pais do realizador, que, apesar de ter nascido em Lisboa, se sente também madeirense.

A história [do livro] remete muito para a infância e adolescência e fez-me lembrar muitos os tempos em que vivi na Madeira; eu sou madeirense, tenho lá os meus amigos todos“, disse o realizador. Aos 36 anos, radicado em Londres, Bernardo Nascimento diz que o que quer é fazer filmes e North Atlantic foi uma excelente rampa de lançamento.

A curta-metragem é a estreia de Bernardo Nascimento na realização, tendo sido até aqui assistente de realização de cineastas como José Fonseca e Costa, Manoel de Oliveira, Carlos Coelho da Silva e também de alguns realizadores estrangeiros.