A organização do Funchal Music Fest anunciou as últimas bandas a integrar o cartaz deste ano do festival, sendo que as novidades são Nu Soul Family e o grupo latino Che Sudaka.

Com o cartaz completo anuncia-se então para o primeiro dia, 17 de julho, a atuação de X-Wife, Hands on Approach e dos cabeça-de-cartaz GNR. Já no segundo dia, quem abre o palco é Freddy Locks. O artista português, que atuou no Sumol Summer Fest deste ano, traz ao Parque Santa Catarina o álbum Rootstation, editado este ano. Uma presença que satisfará o público que mais gosta de reggae. O palco terá também a presença dos já anunciados Klepht, sendo que, para terminar, os Nu Soul Family regozijarão os madeirenses com a diversidade de sons que lhes são reconhecidos, em temas como This is for my people, entre outros.

No último dia do festival, o palco contará com 4 bandas, Aboutowake, Caim, Blind Zero e Che Sudaka. Sendo que as três primeiras bandas já tinham sido anunciadas pela organização, a revelação acaba por ser Che Sudaka. Quando estava prevista a atuação de Puddle of Mudd, houve uma alteração de bandas e datas de atuação, o que levou a que fosse anunciada a banda internacional Che Sudaka, que este ano comemora 10 anos de existência.

O sexteto tem presente nas suas músicas o estilo reggae, ska e rock, sendo que na súmula resulta um som latino alternativo. Irão apresentar o seu álbum de 2011, 10, que se encontra para download grátis no sitio oficial da internet da banda.

Outra das mudanças que se verificou foi o preço dos bilhetes. A redução do preço, agora em 25 euros para os três dias, ou 10 euros para um dia, à venda nos locais habituais, constitui um atrativo ao público ávido de música naquele que a organização chama de “maior festival pop-rock da região“.