A nova peça de teatro encenada por João Lourenço estreia dia 5 de julho no Teatro Aberto, em Lisboa. Londres estará em cena na Sala Vermelha, um monólogo de Cláudia Clemente interpretado pela atriz Carla Maciel.

O texto foi distinguido, em 2011, com o Grande Prémio de Teatro Português, promovido pelo Teatro Aberto em parceria com a Sociedade Portuguesa de Autores. Trata-se da estreia de Carla Maciel na interpretação de um monólogo, bem como do regresso do encenador a este género.

Londres conta a história de uma família que parte para Londres em busca de uma saída. Uma mulher escreve sobre esta viagem, sobre os pais, sobre si mesma, de modo a dar sentido ao que aconteceu nas suas vidas. A sua memória, as suas emoções e a história da família é o que ela conta em palco. A peça original de Cláudia Clemente tem dramaturgia de Vera San Payo de Lemos e está classificada para maiores de 12 anos.

A partir de dia 5 de julho, quinta-feira, Londres está em cena de quarta-feira a sábado às 21h30 e domingo às 16 horas. Os preços variam entre os 7,5€ (até 25 anos), 12€ (mais de 65 anos) e os 15€.

A peça marca também o regresso de João Lourenço à encenação depois de ter apresentado, no mesmo espaço, a peça Vermelho, do final do ano passado ao início de 2012. É também este ano que o Novo Grupo de Teatro, de João Lourenço, Irene Cruz, Francisco Pestana e Melim Teixeira, os quatro atuais diretores do Teatro, comemora os 30 anos da sua fundação. Desde 1982, foram produzidos mais de 80 espectáculos pelo Novo Grupo, que tem a concessão do Teatro Aberto desde 2001.