Este ano sob o tema Viagens, Coimbra volta a oferecer dias cheios de música, cinema, gastronomia, artes plásticas e artes do palco. O Festival das Artes chega pela quarta vez, de 13 a 29 de julho, à cidade dos estudantes. 

As colaborações da Caixa Geral de Depósitos e da Câmara Municipal de Coimbra compensaram a falta de apoio da Secretaria de Estado do Turismo. E prova que as dificuldades foram superadas é que esta quarta edição do Festival das Artes tem uma programação considerada a melhor de sempre.

A homenagem ao músico Bernardo Sassetti marca o festival deste ano. E os grandes nomes presentes no evento parecem não ter fim. Christopher Pregardien e Artur Pizarro na música e Inês Pedrosa na literatura. Gonçalo Cadilhe num workshop sobre escrita de viagens e os embaixadores António Monteiro e Marcello Mathias num debate sobre a atualidade dos descobrimentos portugueses. São apenas alguns exemplos do que o festival oferece.

“Não nos lamentamos, não nos arranhamos masoquistamente, não nos queixamos, não temos pena de nós. Ganhamos energia e vontade, mas pedimos apoio. Sem isso não podemos continuar para o ano. 2012 tem de ser um sucesso ainda maior. Temos de dar uma lição de amor e tradição”, afirma o presidente de direção do festival, José Miguel Júdice. Pelo programa parece que o objetivo foi cumprido.

O Festival das Artes decorre na Quinta das Lágrimas, Coimbra, entre 13 e 29 de julho de 2012.

Para acederes à programação completa, clica aqui.