Na próxima quarta-feira, 23 de maio, a artista dá um concerto no Teatro Gil Vicente, pelas 21h30. Considerada como um ícone de música eletrónica e experimental, Laurie Anderson apresenta o espetáculo Dirtday! a Coimbra depois de passar pela Capital Europeia da Cultura.

Com este novo espetáculo é apresentado um olhar crítico sobre a política, as teorias da evolução, a família e sobre os animais sob a perspetiva de uma contadora de histórias, como a própria Anderson gosta de intitular-se. São utilizadas novas tecnologias e componentes multimédia para o concerto integrado na pequena digressão que a cantora faz por Portugal a partir de terça-feira, 22 de maio, em Guimarães.

A canção O Superman lançou a carreira da artista, em 1980, graças ao segundo lugar que alcançou nas tabelas britânicas. Desde então lançou diversos discos, Homeland (2010) é o último registo discográfico até à data, e é reconhecida pelo pioneirismo nas suas abordagens. Em 2002, realizou uma residência artística na NASA pela primeira vez e resultou na performance The End of the Moon.

httpv://youtu.be/0hhm0NHhCBg

Para além da interpretação, Laurie Anderson aposta também na invenção de aparelhos como o arco de violino elaborado com fita magnética ou o bastão com capacidade de produzir sons.

Os bilhetes para o espetáculo estão à venda no Teatro Gil Vicente com um preço normal de 12 euros e meio. Para estudantes, pessoas com mais de 65 anos e grupo com mais de 10 pessoas o preço é de 10 euros.

No dia seguinte, 24 de maio, a artista dá um concerto no Teatro Aveirense em Aveiro. A 25, visita Torres Vedras e pisa o palco do Teatro Cine para apresentar o último trabalho. No dia 26 de maio, último dia em Portugal, apresenta-se no Teatro Virgínia, em Torres Novas.

Para uma pequena explicação sobre o conteúdo de Dirtday! pode ver o vídeo na página oficial do Teatro Gil Vicente (TAGV).