O Indie Lisboa 2012 só hoje termina, mas já há novidades para 2013. O Festival Internacional de Cinema Independente regressa à capital portuguesa de 18 a 28 de abril de 2013, naquela que será a sua décima edição.

Na cerimónia de encerramento decorrida ontem à noite, foram anunciados as longas-metragens vencedoras desta nona edição. A esses nomes juntam-se as curtas-metragens que já haviam sido distinguidas na passada sexta-feira.

A lista completa dos vencedores – prémios, filme, realizadores e países – segue aqui:

JÚRI INTERNACIONAL DE LONGAS METRAGENS: Lionel Baier, João Canijo, Agnès Wildenstein

1) Grande Prémio de Longa Metragem Cidade de Lisboa: De jueves a domingo, Dominga Sotomayor (Chile/Holanda)

2) Prémio de Distribuição TVCine: L’estate di Giacomo, Alessandro Comodin (Itália/França/Bélgica)

3) Prémio para Melhor Longa Metragem Portuguesa: Jesus Por Um Dia, Helena Inverno, Verónica Castro (Portugal)

JÚRI INTERNACIONAL DE CURTAS METRAGENS: Maria João Madeira, Paolo Moretti, Gabriel Spahiu

4) Grande Prémio de Curta Metragem: Juku, Kiro Russo (Argentina/Bolívia)

Menções Honrosas: The Great Rabbit, Wada Atsushi (França/Japão) e Praça Walt Disney, Renata Pinheiro e Sergio Oliveira (Brasil)

5) Prémio Pixel Bunker para Melhor Curta Metragem Portuguesa: Cama de Gato, Filipa Reis e João Miller Guerra (Portugal)

Menção Honrosa: Kali, o Pequeno Vampiro, Regina Pessoa (Portugal/Canadá/França/Suíça)

6) Prémio Obviosom/Gripman/Restart para Melhor Realizador Português de Curta Metragem: João Salaviza por Cerro Negro (Portugal)

7) Prémio Novo Talento FNAC: Salomé Lamas por Encounters With Landscape (3x) (Portugal)

JÚRI PULSAR DO MUNDO: Diana Andringa, Martin Pawley, Helena Torres

8 ) Prémio RTP Pulsar do Mundo: Meet the Fokkens, Gabriëlle Provaas e Rob Schröder (Holanda)

JÚRI RTP 2 ONDA CURTA: João Garção Borges, Ailton Franco Jr., Niclas Gillberg

9) Prémio RTP2 Onda Curta

Chefu’, Adrian Sitaru (Roménia)

Fancy-fair, Christophe Hermans (Bélgica)

Kali, o Pequeno Vampiro, Regina Pessoa (Portugal/Canadá/França/Suíça)

Ovos de Dinossauro na Sala de Estar, Rafael Urban (Brasil)

JÚRI AMNISTIA INTERNACIONAL: Maria Flor Pedroso, João Tordo, Anabela Moreira

10) Prémio Amnistia Internacional: From This Day to Where, Matias Rygh, Mathias Eriksen (Noruega)

Menção Honrosa: Bon voyage, Fabio Friedli (Suíça) e Meet the Fokkens, Gabriëlle Provaas e Rob Schröder (Holanda)

JÚRI ÁRVORE DA VIDA: Margarida Ataíde, Inês Gil, Rui Martins

11) Prémio Árvore da Vida para Melhor Filme Português: Luz da Manhã, Cláudia Varejão (Portugal)

Menção Honrosa: Mupepy Munatim, Pedro Peralta (Portugal)

JÚRI TAP: Antonieta Pezo, José Manuel Serradas, Miguel Pires Ramos

12) Prémio TAP para Melhor Longa Metragem Portuguesa de Ficção: Por Aqui Tudo Bem, Pocas Pascoal (Portugal)

13) Prémio TAP para Melhor Documentário Português: A Vossa Casa, João Mário Grilo (Portugal)

PRÉMIOS DO PÚBLICO: Competição Internacional, Observatório, Cinema Emergente, Pulsar do Mundo e IndieJúnior

14) Melhor Longa Metragem: Whores’ Glory, Michael Glawogger (Alemanha/Áustria)

15) Melhor Curta Metragem: Retour à Mandima, Robert-Jan Lacombe (Suíça)

16) Prémio do Público IndieJúnior Estrelas e Ouriços: O Cão e a Chave, Hee Jung Kim (Coreia do Sul)